domingo, 23 de abril de 2017

MDL Construções LTDA - Ata da reunião de sócios cotistas realizada em 10 de fevereiro de 2017



Ícone da Jovem Guardar Jerry Adriani morre vítima de câncer

O cantor Jerry Adriani, de 70 anos, morreu neste domingo, no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade, onde estava internado desde o fim de março. Ele estava em tratamento de um câncer.
Jerry Adriani deu entrada na unidade para com um quadro de trombose profunda. Após uma série de exames foi diagnosticado o câncer, patologia divulgada pela família, mas sem maiores detalhes do tipo e gravidade.
A morte gerou uma séria de mensagens nas redes sociais de solidariedade postadas por amigos, familiares e fãs, se tornando um dos assuntos mais comentados no Brasil através do Twitter. Uma das amigas que escreveu sobre a morte de Jerry Adriani foi a cantora Luciene Franco. O velório e enterro do cantor está previsto para esta segunda-feira, no Cemitério do Caju, no período da tarde.
Trajetória
Jerry Adriani nasceu Jair Alves de Souza em 29 de janeiro de 1947, no bairro do Brás, em São Paulo, nome pelo qual ficou artisticamente conhecido. Ele iniciou sua carreira profissional em 1964, com o LP Italianíssimo, mesmo ano em que gravou Credi a Me.
Um ano depois, ele estourou com Um Grande Amor, seu primeiro disco em português. Também em 1965 fez sua estreia na TV com o programa "Excelsior a Go Go", na Excelsior de São Paulo, em parceria com o comunicador Luiz Aguiar. O programa contava com grandes cantores da época, como Os Vips, Os Incríveis, Prini Lores e Cidinha Santos.
Jerry também comandou entre 1967 e 68, na TV Tupi, A Grande Parada, junto com Neyde Aparecida, Zélia Hoffmann, Betty Faria e Marilia Pera. O programa era um musical ao vivo que apresentava os grandes nomes da MPB. A partir daí, se consagrou definitivamente como um dos cantores de maior popularidade em todo o país.
O cantor e então galã também atuou no cinema, nos filmes "Essa Gatinha É Minha", ao lado de Peri Ribeiro e Anik Malvil e direção de Jece Valadão. Ganhou filmes próprios em filmes como Jerry, a Grande Parada e Jerry em Busca do Tesouro.
Em 2008 gravou um de seus últimos trabalhos, o CD e DVD Acústico ao Vivo. Entre seus grandes sucessos estão as músicas Doce, Doce Amor, Querida, Tudo que É Bom Dura Pouco e Amor Querido.
Amigo e incentivador de Raul Seixas
Jerry Adriani foi o responsável pela vinda de Raul Seixas para o Rio de Janeiro, após conhecê-lo em Salvador e se tornarem grandes amigos. Foi ele quem deu a primeira chance para "Raulzito e os Panteras", quando o cantor ainda era um desconhecido do grande público, sendo a banda de apoio de Adriani durante três anos.
”Tudo que é bom dura pouco”, “Tarde demais”, “Doce doce amor” foram algumas das músicas do Maluco Beleza gravadas pelo artista. Raul também foi produtor de Jerry Adriani entre 1969 e 1971, até iniciar sua carreira solo.
odia.ig.com.br

Bombeiros capturam jacaré de mais de 2 metros


Bombeiros Militares de Mossoró capturaram no início da manhã deste domingo (23) um jacaré de mais de dois metros de comprimentos, na Ilha de Santa Luzia em Mossoró.  
O Corpo de Bombeiros Militar foi acionado por volta das 6h30 para fazer a captura do réptil, que estava em uma área de residências e representava risco aos moradores. 
Após a captura, o animal foi levado, com o apoio da Polícia Militar para o Ibama, em Natal. O capitão Mairton do Corpo de Bombeiros Militar do RN (CBMRN) foi o comandante da operação.

PF prende estudante com 5,6 quilos de ecstasy no aeroporto de Natal


A Polícia Federal prendeu na madrugada deste domingo (23/4) no aeroporto internacional Governador Aluízio Alves em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, um estudante paranaense, 28 anos, acusado de tráfico de drogas. Ele reside em Curitiba/PR e desembarcou de um voo vindo de Portugal trazendo na bagagem 5,6 quilos de ecstasy.
A prisão aconteceu logo após os policiais serem avisados pela Receita Federal de que ao ser submetida à inspeção de raios X, havia sido detectada uma bagagem de conteúdo suspeito. De imediato, o estudante foi identificado como sendo o proprietário da mala, a qual, após ser vistoriada, continha em um fundo falso, envoltos em fitas plásticas, três tabletes contendo um pó branco com característica de substância entorpecente.
O homem recebeu voz de prisão e em seguida foi conduzido para autuação na sede da Polícia Federal no bairro de Lagoa Nova, onde a substância encontrada passou por perícia e deu resultado preliminar positivo para MDMA.
Quando do seu interrogatório, porém, o suspeito invocou o direito constitucional de permanecer em silêncio e negou-se a responder a todas as perguntas que lhe foram formuladas.       
Além da droga, foram apreendidos ainda com o acusado: Celulares, passaporte e um bilhete de passagem em seu nome com origem em Bruxelas, Bélgica, onde os policiais acreditam que o ecstasy tenha sido adquirido.
Indiciado na lei de tráfico internacional de drogas, o preso foi submetido a exame de corpo de delito e encontra-se custodiado na Superintendência da PF, à disposição da Justiça.

Esta foi a 2ª. apreensão de droga sintética realizada pela PF este ano no aeroporto Aluízio Alves. O total de ecstasy apreendido no período já ultrapassa a marca dos 19 quilos.

Homem é executado em Brasília Teimosa zona leste de Natal


Um homem de 27 anos identificado como Lucierlan Silva de Lima, foi executado com vários tiros, na noite deste sábado (22), na porta de casa, na rua Bela Vista, na comunidade Brasília Teimosa, zona Leste de Natal. A vítima era ex-presidiário e tinha saído há dois meses do presídio Estadual de Alcaçuz.
De acordo com a mãe de Lucierlan, que terá a identidade preservada, homens um veículo tipo Fiat Uno se aproximaram e um deles desceu já efetuando vários disparos atingindo o jovem que morreu antes da chegada do socorro médico.
Segundo a delegada Jamile Alvarenga, da DHPP (Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa), Lucierlan estava respondendo por homicídio, mas recebeu da justiça a condição de pagar a pena em liberdade. "Ainda não podemos afirmar que a vida pregressa da vítima tem relação com o fim que ela teve" explicou.

portalbo.com

ABC vence o Globo no Barretão e fica a um empate para consquistar seu 54º título estadual


O ABC está a um empate do 54º título do Campeonato Potiguar. Jogando fora de casa, no Barretão, o Alvinegro bateu o Globo FC por 1 a 0 na noite deste sábado e agora decide no Frasqueirão, no dia 1º de maio. O gol da vitória foi marcado pelo paraguaio Echeverría, no início do segundo tempo. O placar poderia ter sido mais elástico em Ceará-Mirim, já que o Alvinegro desperdiçou inúmeras oportunidades após sair na frente.
O ABC tem a vantagem de jogar por um empate para ser campeão em casa. O Globo fica com o título de forma direta se vencer por dois gols de diferença. Se a Águia de Ceará-Mirim ganhar por um gol, a decisão do título será nos pênaltis. O segundo jogo está marcado para o feriado do Dia do Trabalhador, dia 1º de maio, às 17h, no Frasqueirão.

Foto e texto: globoesporte.globo.com/rn

sábado, 22 de abril de 2017

Enem tem novas regras para pedidos de isenção de taxa

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano tem novidades para os candidatos. As regras para pedir a isenção do pagamento da taxa de inscrição mudaram, pois, a partir desta edição é preciso comprovar a renda da família.
Para tanto, é necessário apresentar o Número de Identificação Social (NIS), que permite identificar aqueles que estão cadastrados em programas sociais. O objetivo é evitar fraudes e garantir o direito aos que realmente precisam.
“O que a gente deve combater, evidentemente, é a fraude, o uso indevido de uma gratuidade por parte de pessoas que, a rigor, têm renda elevada e que não deveriam utilizar esse mecanismo, destinado aos mais pobres do Brasil”, afirmou o ministro da Educação, Mendonça Filho.
Até o ano passado, os pedidos de gratuidade eram feitos unicamente por meio de uma declaração do candidato, informando que se enquadrava na faixa de baixa renda familiar.
Requisitos
A isenção da taxa está garantida aos concluintes do ensino médio em escolas públicas e também contemplados pela Lei nº 12.799/2013, que dispõe sobre esse benefício nos processos seletivos de ingresso em cursos das instituições federais de educação superior.
De acordo com o texto, podem solicitar isenção os concluintes de ensino médio em escola pública ou em escola privada com bolsa de estudos integral e que tenham renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio por integrante da família.
A presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini, explicou que o candidato que solicitar a isenção mas deixar de fazer a prova vai precisar justificar a ausência caso queira solicitar gratuidade na edição seguinte do exame. Será aceito atestado médico ou documento robusto que comprove a impossibilidade do comparecimento.
“Nós tivemos no ano passado uma massa enorme de alunos, mais de um milhão, que fizeram a inscrição, se beneficiaram da gratuidade e sequer consultaram no aplicativo o local de suas provas. Então, o Inep e o MEC imprimem a prova, contratam o transporte, alugam a sala, e simplesmente essas pessoas não vão, uma medida de irresponsabilidade com o gasto público”, afirmou Maria Inês Fini.
As inscrições para o Enem 2017 começam no dia 8 de maio e vão até o dia 24 do mesmo mês.

Prefeita de Frutuoso Gomes anuncia apoio à reeleição do deputado Souza


O Deputado Souza esta crescendo politicamente na Região Oeste do Estado, principalmente na cidade de Frutuoso Gomes. Souza que na última eleição em 2014 contou com o apoio do vereador Bebe e um grupo de amigos obteve cerca de 400 votos no município, em 2018 a expectativa é de dobrar essa votação porque agora o grupo aumentou com a chegada da prefeita Janda Jácome, dos ex-prefeitos Lucídio Jácome e Fagner Carlos e todo grupo que faz a situação na cidade.
 
A prefeita já se antecipou reuniu o seu grupo político e oficializou apoio à reeleição do deputado Souza que se identificou com a Região Oeste.
 

Lava-Jato e não financiamento público de campanhas


Que os políticos tentem sobreviver depois de um tsunami de denúncia é compreensível. Não dá para engolir é a imprensa, com carinha de espanto, tentando fazer as pessoas apoiar essa gente que tomaram as instâncias de governo de assalto.
Mesmo havendo denúncias e fortes indícios de que o Congresso Nacional e Palácio do Planalto tornaram-se um balcão de negócios, onde se vende a legislação ao gosto da empreiteira, eles estão sempre ouvindo os “analistas” para dar uma forcinha, sabe-se lá a que custo, a essas milícias governamentais.
Nesses momentos críticos usam demais o clichê de que “não se vive sem político ou sem a política”. Disso ninguém discorda. Uma coisa é viver sem política, outra bem diferente é viver sem larápios do dinheiro público.
Ainda querem aprovar o financiamento público para campanhas eleitorais. É preciso reforçar que os candidatos já possuem certa notoriedade junto ao público. Também é preciso acabar com essa visão de que as campanhas devem ter gastos astronômicos. A tese de que os bilhões de dinheiro público para as campanhas têm por objetivo os candidatos sem recursos é pura falácia para dar dinheiro aos renomados. Em síntese, a população tira o dinheiro do remédio para ser enganada com propagandas mentirosas.
Outra defesa enfática e até raivosa é de que a população não deve vaiar os homens que tiraram até a água do povo para se locupletar. Esquecem-se do período de campanha quando eles invadem a casa das pessoas sem pedir permissão nem com autorização prévia.
Já os cidadãos não podem ir à frente das casas deles para demonstrar sua insatisfação.  Se os gritos fossem de apoio, as imagens seriam capas de revistas e de jornais. E os gritos seriam manchete de abertura de noticiários de televisão.
E essa corda do abismo moral não para de esticar. Enquanto para a sociedade é péssimo saber que não sobra um político para apagar a luz, para eles isso é alentador, como se manifestou Lula numa emissora de rádio. Por essa lógica, a falha só é grave se for exceção, e cometida por poucos, quando se torna regra passa a ser virtude.
Pedro Cardoso da Costa – Interlagos/SP
     Bacharel em direito

Secretaria de Saúde de São Miguel promove Programa Saúde nas Escolas


A Prefeitura de São Miguel, através da Secretaria de Saúde, desenvolveu entre os dias 17 e 20 de abril uma série de atividades nas escolas do município para a promoção do Programa Saúde na Escola. A programação envolveu aulas e intervenções culturais com esclarecimentos sobre os cuidados com a saúde, principalmente no enfrentamento às vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino.

De acordo com o secretário municipal de saúde, Luís Marcos Alves da Costa, a integração entre as áreas da gestão é importante para a concretização de resultados mais consistentes. "A união entre as ações da saúde e da educação é de essencial importância e se complementam. Entendemos que a aprendizagem é melhor quando nossos alunos estão saudáveis", disse.