Francisco do PT destaca incorporação de novos soldados à Polícia do Estado

 

Crédito da Foto: João Gilberto
A incorporação de mais 1. 022 soldados aos quadros da Polícia Militar do Estado foi o tema principal de pronunciamento do deputado Francisco do PT, feito na manhã desta quinta-feira (12) na sessão plenária da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, realizada pelo sistema híbrido.

“Cumprimento a governadora Fátima Bezerra (PT), o secretário de Estado de Segurança, Coronel Araújo e o comandante da Polícia Militar, Coronel Alarico, por essa decisão tão importante para o setor de Segurança Pública do Estado. Foram desobstruídos todos os gargalos que existiam para que se chegasse a essa incorporação, uma ação do governo tão importante para o setor. No próximo ano outros policiais serão convocados para treinamento e posterior incorporação”, destacou Francisco do PT.

A portaria que encerra o curso de Formação de Polícia Militar e efetiva os novos soldados foi assinada pela governadora Fátima Bezerra, na quarta-feira (11).  Em seguida, o deputado manifestou o seu voto de pesar pela morte do ex-deputado Alcimar Torquato que foi presidente da Assembleia Legislativa e do Tribunal de Contas do Estado.
Cultura

Ao final, o deputado Francisco do PT falou sobre dois projetos, de sua autoria, na área cultural que foram registrados para a devida tramitação legislativa na Casa. Um é o que considera como patrimônio cultural e imaterial o Fandango de Canguaretama, um auto popular de origem ibérica inspirado nas grandes aventuras marítimas dos portugueses. O Fandango de Canguaretama surgiu por volta de 1885 vindo do Pará.

O outro trata da Chegança de Barra de Cunhaú, que é parecido com o grupo Fandango, mas tem a sua identidade própria.

Nenhum comentário