Polícia Militar encerra festa de facção criminosa no interior do estado


Vinte pessoas entre homens e mulheres foram detidas na noite deste sábado (10/07), após a Polícia Militar acabar com uma festa de uma suposta facção criminosa no município de Porto do Mangue, região da Costa Branca Potiguar. A guarnição composta pelo sargento Glênio e soldado Wellington receberam informações de que indivíduos pertencentes a uma suposta facção criminosa (SDCRN) estavam realizando uma festa, na Comunidade de Pedra Grande, naquele município em comemoração à morte de um desafeto, crime ocorrido na Praia de Ponta do Mel no município de Areia Branca.
As informações davam conta também, de que na festa havia drogas e armas de fogo. O comandante do destacamento da PM de Porto do Mangue, sargento Miguel, pediu apoio a VTR de Areia Branca, para ajudar na abordagem, tendo em vista que havia um grande número de pessoas na festa. Após a abordagem, foi feita busca na residência onde foram localizados 02 revólveres, um calibre 38 e outro 32 e certa quantidade de droga.
Todos que estavam na comemoração, num total de 20 pessoas, foram conduzidos a delegacia da Polícia Civil de plantão em Mossoró e apresentados ao delegado Renato Oliveira. A autoridade policial, após analisar a situação com cautela, decidiu autuar em flagrante quatro pessoas, sendo três maiores e um adolescente. João Victor Andrade de Oliveira, 19 anos, Breno Victor dos Santos, 25 anos, e Arthur Silva da Costa de 24 anos, foram autuados em flagrante por crimes de tráfico de droga (artigo 33) e associação armada (artigo 288) ambos do Código Penal Brasileiro.
Os três foram encaminhados ao ITEP onde se submeteram a exames de corpo de delito e depois encaminhados à Cadeia Pública Juiz Manoel Onofre de Souza em Mossoró, onde ficarão a disposição da justiça. O adolescente foi liberado mediante a presença dos pois.

Nenhum comentário