Líderes destacam avanço na vacinação e atuação de PMs em plataformas digitais

 


A deputada Isolda Dantas (PT) usou o horário de lideranças, na sessão desta quarta-feira (09) da Assembleia Legislativa, para falar do avanço na vacinação no Rio Grande do Norte, e sobre a aprovação, pela Comissão Especial da Câmara dos Deputados, em Brasília, do Projeto de Lei que regulamenta o plantio de cannabis sativa, para fins medicinais, e a comercialização de medicamentos que contenham extratos, substratos ou partes da planta.

“Tenho ficado impressionada com os resultados de pessoas que consomem o óleo da cannabis através de medidas judiciais, dos avanços que as diversas pessoas têm nas diversas doenças como alzheimer”, citou a deputada, que já apresentou projeto de lei na Assembleia. 

A parlamentar comentou ainda sobre a definição da Comissão Intergestores Bipartite, que reúne as Secretarias de Saúde do Estado e do Município de Natal, sobre o avanço da vacinação contra covid no Rio Grande do Norte, e que permitirá, a partir de agora, que pessoas de 59 anos para baixo, e sem comorbidades, possam ser imunizadas paralelamente aos grupos prioritários. “É preciso que a Prefeitura de Natal se organize porque Natal é a única capital do Nordeste que não faz isso”, afirmou Isolda, comemorando também a inclusão de mulheres lactantes no grupo de prioridades que já inclui grávidas e puérperas. “Uma dose vai proteger duas pessoas, e numa situação de escassez de vacinas nada melhor do que duplicar seus efeitos”, concluiu a deputada.

Em seu pronunciamento no horário de lideranças, o deputado Coronel Azevedo (PSC) ressaltou sua participação em uma live no canal de Youtube ‘Força Tática em Revista’, criado por integrantes da Força Tática do Quarto Batalhão de Polícia Militar. “Quero fazer referência ao voto de louvor e congratulação que apresentei”, disse o deputado, ressaltando a “marca histórica” de 100 mil seguidores na plataforma. “A Casa do povo potiguar registra a partir do meu mandato, esse feito histórico”.

O deputado também destacou o apoio do Governo Bolsonaro à segurança pública do Rio Grande do Norte, destinando recursos do Ministério de Justiça e Segurança Pública, para compra de equipamentos, veículos e para capacitação de profissionais do setor. Ele destacou a melhora dos indicadores de segurança durante a gestão do atual presidente da República. O deputado Coronel Azevedo também ressaltou o trabalho dos educadores físicos e chamou atenção para que, nas medidas restritivas, não se fechem academias. “Fechar academias é matar pessoas”, afirmou o parlamentar, citando pesquisas que comprovam a eficácia do exercício físico na prevenção à Covid-19.

Nenhum comentário