Cientistas que previram crise em Manaus alertam para 3ª onda e pedem lockdown

 


O mesmo time de pesquisadores que alertou para o colapso na saúde em Manaus agora afirma que o Brasil está na iminência de uma possível terceira onda de Covid-19 e pedem “lockdown”, afirma o Estadão.]

“O Amazonas corre o risco de espalhar a crise sanitária para todo o território nacional caso autoridades não imponham lockdown com pelo menos 90% da população isolada e vacinação em massa mais acelerada do que no resto do País”, diz a reportagem.

Recomendamos o fechamento também das fábricas e do Distrito Industrial em Manaus, que podem parar sem quebrar e sem deixar de pagar o salário de seus funcionários”, destacou Lucas Ferrante, biólogo e doutorando do programa de Biologia do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) e o primeiro autor do artigo na revista científica.

“Não existe lockdown em Manaus hoje, apenas um isolamento parcial que já sofre pressões para a reabertura da cidade. Uma reabertura, mesmo que gradual, agora propiciaria um cenário de manutenção da pandemia, e um ritmo de casos e mortes altos durante todo o ano e entrando em 2022”, frisou Ferrante.

Nenhum comentário