Homem é preso por matar e esconder corpo da amante desaparecida há 5 anos

 


O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Polícia Civil do Piauí, prendeu na quinta-feira (6) um homem suspeito do assassinato de Maria Jaqueliny Mendes e Silva, na cidade de Teresina. A ossada da vítima foi encontrada no mesmo dia, na antiga residência dela, depois que o homem apontou onde tinha escondido o corpo dentro da fossa. Ela estava desaparecida desde 2015.

A Polícia Civil informou que no mês de outubro de 2020 foi registrado Boletim de Ocorrência do desaparecimento de Maria Jaqueliny. O boletim informava que desde 2015 não se tinha notícias da mulher, que ela morava sozinha no bairro Monte Alegre, na Zona Norte de Teresina, e que tinha um relacionamento com um homem que era casado, que era agressivo com ela.

Segundo a polícia, o relacionamento da vítima e do suspeito era conturbado, pois ela teria sido vítima, em diversas ocasiões, de violência física e moral.

Durante a colheita dos depoimentos, vizinhos relataram que Maria Jaqueliny era agredida pelo homem e que há 5 anos ocorreu uma grande briga entre os dois. Desde essa a briga a mulher havia desaparecido.

O homem foi preso na quinta-feira e interrogado, confessando o crime e informando onde o corpo da vítima havia sido enterrado. A ossada foi encontrada dentro de uma fossa desativada, na antiga residência da vítima.

Fonte: G1PI

Nenhum comentário