Projeto “Chic é Ser Solidário” lança campanha Quem Tem Fome Tem Pressa com “Almoço Solidário”

 

FOTO: DIVULGAÇÃO

O Projeto “Chic é Ser Solidário”, coordenado pelo jornalista Elias Medeiros, lança nesta sexta-feira (16), uma nova campanha Quem tem Fome Tem Pressa com “Almoço Solidário”, que será realizada nesta sexta-feira (16), numa comunidade carente do Parque dos Coqueiros, zona Norte de Natal.

Os moradores da comunidade Helliny Ferreira serão atendidos com almoço e suco, cesta básica, roupas usadas e brinquedos para crianças.

Quinzenalmente vamos escolher uma comunidade para realizar a ação.

De acordo com o coordenador do Projeto Chic é Ser Solidário, o jornalista Elias Medeiros, o fator determinante para escolha do local foi a notícias no início do mês de abril sobre roubo na sede do projeto RN Invisível das cestas básicas que seriam distribuídas na comunidade. A partir dessas notícias mobilizamos os colaboradores do nosso projeto para realizar a ação.

“Fizemos uma visita ao local e sentimos as necessidades das pessoas que ali residem e decidimos que apenas um almoço com um suco não seria o suficiente para amenizar a dor delas e dessa forma resolvemos ampliar a ação”, completou Elias.

Sobre o projeto Chic é Ser Solidário:

O projeto Chic é Ser Solidário foi criado em 2015 pelo jornalista Elias Medeiros com o objetivo de apoiar as ações solidárias do Instituto Juvino Barreto e foi ampliada para outros abrigos da capital. Crianças comunidades carentes foram incluídas também no Dia da Criança e Natal Solidário.

Durante a pandemia do coronavírus passou a realizar distribuição de cestas básicas para famílias em vulnerabilidade social.

Para que as ações solidárias sejam realizadas, o “Chic é Ser Solidário” precisa de doações.

“O lema do projeto é fazer o bem sem olhar a quem. Quem ajuda o próximo não está apenas ajudando uma pessoa e sim, construindo um mundo melhor”,

Quem desejar ajudar o projeto, basta entrar em contato pelo WhatsApp: (84) 99950-5602 ou acessar o Instagram @chicesersolidarionatal

Nenhum comentário