Dança, Teatro e Música animam o último fim de semana de junho


Sábado (26), tem a apresentação do projeto Dançando nas Dunas, com o espetáculo Na Terra dos Potiguaras, e no Domingo (27) duas atrações para os projetos Bosque Encena e Som da Mata.

 

No próximo sábado, dia 26, a CIA. de Dança do Teatro Alberto Maranhão (CDTAM), publicará às 16h30, o Projeto virtual Dançando nas Dunas com o espetáculo Na Terra dos Potiguaras.  O Balé Popular de Natal nos brindará com muita música tradicional dos festejos juninos e coreografias do professor Dimas Carlos quando serão apresentados o Caboclinhos, o Araruna, o Pastoril, além de muito Baião, sem deixar de fora a Quadrilha Junina.

O Balé Municipal de Natal foi criado em 1986 para atender as necessidades de alunos da rede municipal de ensino e em 1988 foi integrado à Funcarte, onde permanece até os dias de hoje. Desde a sua criação, o público atendido foi: clube de jovens, alunos da rede pública e por fim, quadrilheiros e comunidade em geral, com repertórios que tem como base as danças folclóricas e populares da região Nordeste e principalmente do estado do Rio Grande do Norte.

A programação dominical exibe o Bosque Encena virtual, que apresenta no próximo dia 27, a partir das 10h, o show "A brincadeira vai começar", com os palhaços Bisteca & Bochechinha, do grupo Brinquedos e Brincadeiras.

A apresentação traz em seu enredo a preservação da magia do Circo, através de números clássicos, músicas autorais e a participação do mágico Bisteskoviski. Um show dinâmico e interativo para toda família.

Já o Som da Mata virtual será publicado no final da tarde, às 16h30, com a apresentação da pianista Isadora Rezende, que começou a estudar piano aos seis anos de idade. Fez seu primeiro recital solo aos sete. Em 2015, foi convidada pelo professor Miguel Proença a apresentar-se no Espaço BNDES no Rio de Janeiro, no concerto Jovens Talentos. Em 2016, alcançou a primeira colocação em sua categoria no Concurso Steinway-Caio Pagano, realizado pela USP – Ribeirão Preto, e em 2018, obteve novamente essa colocação no Concurso Souza Lima, SP.

 

Em 2019, foi solista de “Com amor, Mozart”, executando o concerto em ré menor de Mozart, e solista convidada para a temporada oficial da Filarmônica da UFRN. Neste mesmo ano, foi selecionada como bolsista do Festival Orford Musique, em Montreal (Canadá), e do FEMUSC - Festival de Música de Santa Catarina, um dos mais importantes da América Latina.

Integrando o grupo de finalistas do Concurso Jovens Talentos Mansueto Barbosa 2019, em Fortaleza/CE, conduziu o documentário “Quando as Nuvens Eram Nossas – Retratos da Vida e Obra de Oriano de Almeida” e realizou o recital “Isadora e Oriano”. Em 2020, obteve a segunda colocação no Concurso Promúsica, recebeu o Prêmio Revelação no Concurso Sinos-FIMUCA, e foi indicada ao 18º Prêmio Hangar, também na categoria Revelação Musical.

Projetos

Os projetos Bosque Encena, Som da Mata e Dançando nas Dunas acontecem graças à renúncia fiscal da Prefeitura do Natal, por meio da Lei Djalma Maranhão. E contam com o apoio do Governo do Estado, através do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente - Idema, que cede o espaço do Parque das Dunas, onde estão sendo gravados os eventos.

 

Serviços:

 

Dia: 26/06 (sábado)

 

Evento: Dançando nas Dunas - 16h30

- Youtube: Dançando nas Dunas

- Instagram: @dancandonasdunas

- Facebook: dançandonasdunas

 

        Dia: 13/06 (domingo)

        

Evento: Bosque Encena – 10h

-Youtube: Bosque Encena

- Instagram: @bosqueencena

- Facebook: bosqueencena

 

•        Evento: Som da Mata – 16h30

 

- Youtube: Som da Mata

- Instagram: @somdamata

- Facebook: somdamata.

Nenhum comentário