Na Indonésia, quem anda sem máscara é punido com ‘passeio’ em caixão

 


O governo da Indonésia criou uma forma inusitada de estimular o uso da máscara no país. Na capital Jacarta, quem é flagrado de máscara é obrigado a entrar em um caixão e fazer um ‘passeio’ pelas ruas da cidade. Os punidos devem também contar até 100 para serem liberados.

A medida dividiu o país. Enquanto autoridades argumentam que ela pode ajudar na conscientização da população, críticos alegam que as autoridades erraram ao obrigar funcionários públicos para ‘passear’ com os punidos. São os funcionários que carregam o caixão durante o ‘passeio’.

IstoÉ

Nenhum comentário