Após assaltarem coronel do Exército e amigos, bandidos são perseguidos e presos em Natal




Uma perseguição policial que passou por pelo menos três bairros da Zona Sul de Natal acabou com a prisão de dois assaltantes na noite desta segunda-feira (3) em Natal. Entre as vítimas dos criminosos, estava um grupo de quatro amigos, entre eles um coronel da reserva do Exército, que seguiu os bandidos e acionou a Polícia Militar.

Tudo aconteceu depois do roubo de um carro, durante um arrastão aos quatro amigos, na Rua Walter Duarte, em Capim Macio, na Zona Sul da capital. Entre as vítimas, estava o coronel e um professor, de 33 anos. Segundo o relato do professor, as vítimas estavam fazendo acabamento de um estabelecimento, quando os bandidos chegaram e anunciaram o assalto. Foram levados carteiras, celulares, relógios, duas chaves e o veículo de uma das vítimas.

O coronel de 50 anos afirmou que os criminosos estavam nervosos. Depois que eles saíram, ele pegou o carro de um dos amigos e foi atrás dos assaltantes. Ao passar pela barreira da Polícia Militar na avenida Roberto Freire, a vítima informou o caso aos policiais militares, que começaram a perseguição.

Os bandidos foram perseguidos por policiais do 5º Batalhão e da Rocam. A perseguição ocorreu pelas ruas de Lagoa Nova, na Avenida Senador Salgado Filho e só terminou em Nova Descoberta, onde os assaltantes foram presos.
A perseguição e o cerco na avenida Salgado Filho, na Amintas Barros e Nova Descoberta também contou com viaturas da Polícia Ambiental e do Batalhão de Choque. O carro roubado de um dos quatro amigos foi recuperado. A arma usada no crime, um revólver, também foi apreendido. Moradores da região disseram que chegaram a ouvir tiros.

Os dois presos foram levados para a carceragem da Central de Flagrantes da Polícia Civil. Na delegacia, o comandante do 5º Batalhão, coronel Fontes, afirmou que a ação dos policiais foi integrada e rápida.

Nenhum comentário