Entidades do comércio em Natal e pelo Estado são contra lockdown: “totalmente desnecessário”


A Federação das Câmara de Dirigentes Lojistas do RN (FCDL RN), Câmara de Dirigente Lojistas de Natal (CDL Natal), CDL Jovem Natal, Federação das Associações Comerciais (Facern) Associação dos Empresários do Alecrim (Aeba), Associação Comercial Empresarial do Rio Grande do Norte – (ACRN) protocolaram na manhã dessa quinta-feira 14/05/2020 um requerimento de ingresso como amicus curiae na ação judicial de autoria do Sindisaúde, para reforçar a tese que o lockdown é totalmente desnecessário no Rio Grande do Norte.
As Entidades do comércio são contra o lockdown por entender que existem alternativas para combater a proliferação do novo coronavírus no Estado – e que o comércio já vem adotando, com o funcionamento apenas das atividades essenciais, distribuição de máscaras, álcool em gel, e distanciamento de clientes dentro dos estabelecimentos.
O entendimento de todos é que o momento requer cautela, e não uma medida drástica quanto a do lockdown. Os cenários mudam rapidamente e constantemente os processos e decisões necessitam de avaliações e readequações, por isso, a Entidades do comércio reiteram que estão abertos ao diálogo e seguirão contribuindo com o poder público nessa guerra conta o Covid-19.

Nenhum comentário