Encontro da Literatura de Cordel será realizado na Casa da Ribeira


Patrimônio Cultural Brasileiro com origem no Norte e no Nordeste do país, a literatura de cordel é tema do Encontro da Literatura de Cordel, a ser realizado no dia 13 de setembro, na Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional no Rio Grande do Norte (Iphan-RN), em Natal (RN). O objetivo da ação é garantir a mobilização social dos detentores e da comunidade em torno da manifestação cultural.
A programação inclui uma roda de conversa entre cordelistas, representantes do Iphan-RN, pesquisadores e instituições convidadas, além da exposição e comercialização de cordéis. Haverá ainda a declamação de histórias com o Trio de Forró.
“Com este evento, podemos proporcionar uma maior visibilidade, projeção social e valorização do bem registrado, permitindo que haja um entendimento mais claro sobre o que é a literatura de cordel e como é importante seu registro”, explica a superintendente substituta do Iphan-RN, Allana Medeiros. Ela destaca ainda que o encontro oferece um espaço para debate e troca de conhecimento, possibilitando uma mobilização coletiva em torno da manifestação cultural.
Literatura de Cordel
A Literatura de Cordel foi inscrita no Livro de Registro das Formas de Expressão em setembro de 2018 e pode ser observada em várias regiões do país. A prática está relacionada não apenas ao gênero literário, mas também a um veículo de comunicação, ofício e meio de sobrevivência para inúmeros cordelistas.
Inserido na cultura nacional em fins do século XIX, o cordel é elemento constituinte da diversidade cultural brasileira, com contribuições das culturas africana, indígena, europeia e árabe. Conjugando tradições da oralidade, da poesia e das narrativas em prosa, o bem cultural se constituiu como uma relevante forma de expressão da nossa sociedade.

Serviço:
1º Encontro da Literatura de Cordel
Data: 13 de setembro de 2019, às 15h
Local: Av. Duque de Caxias, 158, Ribeira – Natal/RN

Nenhum comentário