Agromarra é a campeã do Desafio de Startups Ideas for Milk no RN


A startup Agromarra foi a grande vencedora da etapa Rio Grande do Norte do Ideas for Milk, o desafio de startups realizado pela Embrapa em parceria com o Senar-RN. A final ocorreu na manhã deste sábado (24) no Centro de Treinamento Kátia Abreu do Parque de Exposições em Parnamirim. A campeã irá disputar a competição em nível nacional, que será em São Paulo, no próximo dia 30 de novembro.
Esta é a terceira edição do evento que tem como objetivo estimular que empreendedores apresentem soluções tecnológicas aplicadas à produção de leite. O anúncio da startup vencedora foi feito pelo presidente da Federação da Agricultura (Sistema Faern/Senar), José Álvares Vieira, diante dos participantes e jurados .
“O grande objetivo do evento é poder espremer, é exigir, é fazer com que vocês deem o máximo de ideias para a cadeia produtiva do leite. Não tenho dúvidas de que o Brasil, daqui a alguns anos, será um grande exportador de leite. Aqui neste evento, de nove ideias, cinco chegaram até aqui e a vencedora irá representar o Rio Grande do Norte no evento nacional em São Paulo. Então boa sorte e parabéns”, declarou José Vieira.
O Ideas for Milk foi criado para impulsionar o desenvolvimento do ecossistema de inovação neste setor da economia. Com a etapa regional no Rio Grande do Norte, Embrapa e Senar-RN visam ajudar o setor a melhorar sua produtividade e impulsionar o Brasil a se tornar competitivo na exportação de leite e derivados.
AGROMARRA
A startup Agromarra foi a mais bem votada entre as cinco finalistas. O júri era composto por 19 pessoas, entre eles pesquisadores da Embrapa, especialistas do Senar-RN e executivos de empresas parceiras do Ideas for Milk. Todas as finalistas apresentaram seus respectivos projetos, foram submetidas a uma sabatina e no final receberam sua nota.
A equipe vencedora, a Agromarra, apresentou um aplicativo que auxilia na gestão da fazenda leiteira, visando o aumento da rentabilidade para o fazendeiro. A ferramenta gera relatórios sobre produção de leite, ração, ganho de peso dos animais, entre outros tipos de manejo. O sistema aplica o conceito de pecuária de precisão e faz o gerenciamento individual dos animais em tempo real. A startup tem aproximadamente dois anos de existência, mas o negócio em si foi lançado no início de outubro passado.
“Estou muito feliz com o resultado e sei que será de uma importância gigantesca para a nossa startup. Nós estamos sendo inseridos agora no mercado e sermos reconhecidos pela Embrapa e todas as empresas que estão por trás com certeza vai ser muito bom. Agora vamos para São Paulo e teremos a oportunidade de mostrar o quanto somos eficientes e trazemos resultados”, disse Diego Fernandes, SEO da startup Agromarra.

Nenhum comentário