Encontro dos poetas cantadores será no dia 31 de agosto no Teatro Riachuelo


Reunindo três grandes nomes da música Nordestina, o show Baião de Nós Três é uma mistura de músicas, poesias e causos especiais em um show intimista com duração de aproximadamente 90 minutos. A proposta do show é levar as músicas tão conhecidas dos artistas que compõe o projeto para o público com “uma pegada” mais acústica.

Com os artistas nordestinos: Petrúcio Amorim, o Caruaruense Valdir Santos e Flávio  Leandro (que juntos dividem o palco), este é um show para ser contemplado por um público que aprecia uma boa música. 

Além de contar fatos interessantes que que aconteceram ao longo de suas carreiras, os cantores fazem o que sabem fazer de melhor: cantar com a alma. É imperdível.

Sobre os artistas do Baião:

Petrúcio Amorim:

Nascido em Caruaru -  PE, este artista é um dos grandes cantores e compositores Pernambucanos e em 2014 foi o grande homenageado no São João da cidade de Recife. No ano de 2015 comemorou 30 anos de carreira, momento em que lançou um novo álbum comemorativo.

Petrúcio Amorim coleciona vários sucessos, dentre eles: Confidências, Devagar, Lembranças, Anjo Querubim, Estrela Cadente, Senão eu Choro, Meu Ex-amor, Foi Bom te Amar, Nem Olhou pra Mim, Cidade Grande, Tareco e Mariola, entre tantas outras canções importantes gravadas por diversos artistas.

Valdir Santos:

Valdir Santos é cantor e compositor  Caruaruense.
Desde dezembro de 2002 apresenta semanalmente o quadro “Coisas da Terra” na TV Asa Branca, afiliada da Rede Globo. É um quadro de entrevistas com artistas das diversas áreas culturais da região.
Em 2003 fundou juntamente com o percussionista Marconiel Rocha o PIM ( Projeto de Iniciação Musical Jacinto Silva). Como o próprio nome diz inicia crianças e adolescentes no caminho musical e que foi batizado com o nome desse artista devido a preocupação com a continuidade do estilo que cantava e que a cada ano que passava via diminuir, e temia que desaparecesse. É um projeto sem fins lucratvos, que tem como um dos objetivos ensinar as crianças e adolescentes a importância da música dentro de um contexto sócio - econômico - cultural, e fazer com que eles conheçam o máximo possível a arte dos mestres da música Caruaruense e que perpetuem a herança deixada por eles. 

Valdir tem 06 discos lançados e em 2016 lançou o disco Celebração, que foi finalista  no 28º Prêmio da Música Brasileira, na categoria Música Regional. Premiação que aconteceu na cidade do Rio de Janeiro. Este disco também foi vencedor do 8º Prêmio da Música de Pernambuco, como melhor CD. Premiação que aconteceu em 2017 na cidade de Recife.

Flávio Leandro

Começou a compor desde cedo, ao 13 anos, com fortes influências dos amigos. Participou no primeiro festival em 1985, o "Sementes da Terra", com o qual se apresentou cantando canções de sua autoria. Integrou-se como vocalista na Banda Raio de Laser, em 1992. Mas seu primeiro CD Travessuras, foi lançado em 1997. Lançou em 2000 o CD Brasilidade, que mescla forrós pé-de-serra. E no ano seguinte, lançou mais um disco, dessa vez de forma acústica e posteriormente o CD Forró Iluminado. Emplacou várias músicas de diversos artistas como, Elba Ramalho, Flávio José, Jorge de Altinho, entre outros.

Xangai (Convidado)
Filho e neto de sanfoneiro, ainda aos 18 anos fixou-se com os seus pais na cidade de Nanuque, no norte de Minas Gerais. Xangai é descendente direto do bandeirante João Gonçalves da Costa, fundador do Arraial da Conquista, atualmente Vitória da Conquista.
Viveu em Vitória da Conquista, na Bahia, onde aos 9 anos de idade conheceu Elomar, que, 10 anos mais velho, tornou-se seu amigo e de quem teve influência musical.
Seu pai era proprietário de uma sorveteria chamada Xangai na cidade de Nanuque, daí se originando o seu apelido e atual nome artístico.
No ano de 1976, gravou o seu primeiro disco, Acontecivento, com as faixas "Asa Branca", "Forró de Surubim" e "Esta Mata Serenou".
Apresenta na Rádio Educadora da Bahia o programa "Brasilerança", através do qual contribui para a divulgação da cultura musical da região nordestina brasileira.
Em 1999 foi convidado a participar do álbum de comemoração de 100 anos do Esporte Clube Vitória, time do seu coração.
Participou com o cantor Waldick Soriano dos últimos shows da carreira deste antigo nome da chamada música brega brasileira, inclusive na cidade natal de Waldick, Caetité, em 26 de maio de 2007.

Breve história do show:

O show Baião de Nós Três fez sua estreia em Caruaru no ano de 2015. Na época a formação do trio era composto por Valdir Santos, Petrúcio Amorim e Santanna O Cantador.
Em 2016 teve sua apresentação em Recife no Teatro Rio Mar, com duas apresentações e com público bastante expressivo. No mesmo ano o Baião se apresentou na cidade de Santa Cruz do Capibaribe e em Natal, no Rio Grande do Norte. Nesta última, a apresentação aconteceu no Teatro Riachuelo e foi um enorme sucesso.
Em 2017 a formação do trio para este projeto se deu com os artistas Petrúcio Amorim, Flávio Leandro e Valdir Santos.


Contato:
João Carlos Lins(Produção Nacional)
Produção Local:
Ronaldo Negromonte
84 99405-2806
Ronaldo_limamonte@hotmail.com

Nenhum comentário