Justiça autoriza remanejamento de R$ 225 milhões para pagamento de salários da segurança


Decisão do desembargador Cornélio Alves, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, autorizou o remanejamento de R$ 225 milhões de recursos destinados pelo Fundo Nacional de Saúde para o pagamento de salários dos policiais militares, civis e bombeiros.
A decisão atendeu mandado de segurança interposto pelas associações militares e dos policiais civis e delegados.
O Estado terá o prazo de dez meses para repor o valor aos cofres públicos. O valor remanejado poderá ser utilizado para quitar os salários de novembro, dezembro e 13º salário dos profissionais de segurança que estão parados desde o dia 19 de dezembro.

Nenhum comentário