Vereadores de Extremoz homenageiam jovens mortos em Santa Maria com um minuto de silêncio na sessão desta terça-feira (26)


Na sessão realizada na manhã desta terça-feira (26), os vereadores de Extremoz homenagearam os seis jovens assassinados na última sexta-feira (22), no distrito de Santa Maria, com um minuto de silêncio, como gesto de respeito ao luto das famílias e pelo histórico trágico do ocorrido.
A homenagem foi solicitada pelo Presidente da Câmara, vereador Fábio Vicente da Silva que externou publicamente sua consternação com a morte dos jovens de maneira tão brutal. “Nunca tinha vivenciado algo parecido em toda minha vida.  Aproveito para manifestar mais uma vez meus sentimentos de pesar as famílias dos jovens assassinados, rogando a Deus que na sua graça, possa confortá-los nesse momento tão difícil”, disse o Presidente.
O vereador Aderson lamentou profundamente o acontecido com os jovens em Santa Maria. “É difícil numa hora dessas encontrar palavras para expressar nossos sentimentos pela tragédia que abalou o município, disse o vereador.
A vereadora Jussara Freire também manifestou sua tristeza com as mortes dos rapazes, principalmente por todos serem tão jovens. “Meus sentimentos aos familiares que estão chorando a dor dos seus filhos pela perda tão prematura e violenta de pessoas que estavam iniciando sua vida”, disse a vereadora.
O vereador Renato Leite se solidarizou com a dor das famílias pela morte dos jovens e disse que só tinha visto chacinas na TV. “Meus sentimentos aos pais, irmãos, primos e amigos dos mortos e que Deus conforte cada um para suportar a ausência dos entes queridos”, disse o vereador.
O vereador Cleiton da Habitação externou votos de pesar aos familiares dos jovens mortos.
Vereador Izidoro Filho disse que faz das suas palavras a do Presidente Fábio Vicente e lamentou muito a morte dos jovens de forma violenta como foi e conclamou todos para um ato público na comunidade de Santa Maria. “Vamos organizar uma caminhada para sensibilizar os poderes constituídos que Extremoz deseja Paz, inclusive iremos convidar representantes de todas as religiões para participarem”, disse o vereador.
Já o vereador Eduardo Motta em seu discurso fez questão externar suas condolências às famílias e lamentou muito a morte de jovens que estavam na flor da idade. “Estamos consternados com as mortes e manifesto minhas orações para que Deus conforte os parentes”, disse o vereador.
E encerrando o professor e vereador Cleyton Saint Clair se solidarizou com as famílias enlutadas pela perda dos parentes de maneira tão trágica. “Tenho 43 anos de idade, mas nunca tinha visto algo assim bárbaro em nosso município. Leciono há 20 anos e o grande desafio como professor é transformar homens em cidadãos, disse o vereador.
Mas todos foram unanimes em concordar com o alto índice de insegurança no Estado do RN e sugeriram algumas ações em Extremoz. Destacamos a criação da guardar municipal, audiência pública sobre segurança, a união dos poderes para ajudar a combater a violência, criação de políticas públicas para ocupação dos jovens e escola em tempo integral. Lembrando que foram sugestões apresentadas pelos edis em seus discursos na manhã desta terça-feira (26).
Na mesma sessão foi votada e aprovada 14 indicações e um título de cidadão extremozense que será outorgado ao Juiz de Direito Diego Costa Pinto Dantas, proposição do Presidente da Câmara, vereador Fábio Vicente da silva.

INDICAÇÕES

FÁBIO VICENTE DA SILVA
Solicitou a continuidade da rede de água da comunidade de Redinha Nova.
Solicitou à adequação da rede elétrica e suas luminárias na comunidade de Redinha Nova.

KILTER HARMSTRONG
Solicitou a manutenção de toda iluminação dos postes e troca das lâmpadas queimadas no Centro.
Solicitou a construção de uma praça com parque infantil no Conjunto Central Parque I.

EDUARDO MOTTA
Solicitou os seguintes itens para a Escola Municipal Padre Agustinho, no distrito do Comum: vasos sanitários (infantil) e grades para as portas e janelas.
Solicitou que passe a moto niveladora na estrada que liga a comunidade de contendas à Barra do Rio.
Solicitou um veículo para transportar as pessoas que estão fazendo tratamento fisioterápico no Centro de reabilitação de Extremoz.

ADERSON ARAÚJO
Solicitou que a moto niveladora passe na Rua Bem-Te-Vi, no loteamento Costa das Dunas.
Solicitou a construção de uma lombada na Rua Principal, na Comunidade de Barro vermelho (RN 305), após a Igreja de santo Antônio.

CLEITON DA HABITAÇÃO
Solicitou a criação de um banco municipal de próteses e aparelhos locomotores, para atendimento a pessoas com necessidades especiais, que necessitam de consertos e manutenção de próteses ortopédicas e aparelhos para adaptação e correção dos membros de auxílio à locomoção.
Solicitou o conserto da carrocinha que serve de transportes para recolher os animais em situação de rua/doentes.

Solicitou a instalação de faixa de pedestre e placas de sinalização em frente a Creche Escola Gente Miúda.

Nenhum comentário