Escritor e ilustrador potiguar lança livro infantil sobre amizade imaginária

 


O escritor e ilustrador potiguar Ivan Cabral lança, em comemoração ao Dia do Amigo, comemorado nesta terça (20), o livro 'Um amigo que você nem imagina', pela editora Paulinas. A obra é a segunda do autor voltada para o público infantil.

O livro narra a convivência e a amizade entre um garoto e seu amigo elefante. No decorrer das páginas, as ilustrações coloridas e repletas de elementos lúdicos, próprios da infância, dão o tom da narrativa. O autor destaca o valor de trazer à tona hábitos da infância que, devido à popularização da tecnologia, vêm se tornando cada vez mais raros.

“Fiquei feliz em retratar as brincadeiras que não dependem da tecnologia, da eletricidade, uma vez que as crianças estão muito dependentes das telinhas dos celulares e dos jogos eletrônicos. As ilustrações mostram brincadeiras com pião, bola de gude, futebol, patinete…”, conta o escritor, que também é mestre em educação pela UFRN.

Todos os desenhos foram criados por meio de pintura em acrílica — uma opção estética do artista, que acredita que “a expressividade do traço e do gestual tem um ‘gostinho’ diferente”.

Mas o grande diferencial da obra promete ser o desfecho. Nas últimas páginas, uma surpresa aguarda os leitores de todas as idades que se aventurarem na leitura.

“A intenção é tratar de forma leve o tema do amigo imaginário. Às vezes os pais ficam preocupados com essa fase do desenvolvimento das crianças. Quem sabe se após a leitura os pais não serão desafiados e arranjem um tempinho para soltar pipa com seus filhos, brincar de amarelinha ou fazer um piquenique? Isso já me faria sentir realizado como autor”, comenta Ivan.

Em 2019, Ivan Cabral lançou 'A Estrela Cadente', pela Cortez Editora. Agora, em 2021, lança a segunda obra voltada para crianças. De acordo com o autor, o novo livro representa um momento diferente na carreira.

“Esse segundo livro surgiu na fase em que deixei de publicar no jornalismo impresso e parti para desengavetar meus projetos pessoais”, recorda.

E o processo criativo fluiu com espontaneidade, segundo ele. Em pouco tempo, o produto já estava praticamente finalizado.

“A ideia nasceu de forma meio repentina. Não passei muito tempo elaborando o roteiro. Comecei a explorar a ideia do amigo imaginário e os desdobramentos das cenas foram surgindo de forma natural. Depois de alguns ajustes na narrativa, em torno de dois dias a história ficou pronta”, ele recorda.

Ivan Cabral tem 57 anos, é natural de Areia Branca e radicado em Natal. É chargista há mais de 30 anos e já publicou algumas coletâneas de charges, como 'Já Era Collor' e 'Humor Sustentáve'l, além de também ter atuado como quadrinista na revista potiguar Maturi.

G1 RN

Nenhum comentário