Expansão de via férrea até São Gonçalo do Amarante deverá beneficiar 2 mil pessoas por dia

 


A Ordem de Serviço para o início da construção da Linha Roxa do sistema de trens urbanos de Natal foi assinada nesta sexta-feira (25), pelo ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho. Além disso, ele visitou as obras da Linha Branca, que levará o VLT até o município de Nísia Floresta.

De acordo com a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), a Linha Roxa compreende a ampliação da Linha Norte, com novos 4 km de via, mais três estações, expandindo o sistema de trens em direção ao município de São Gonçalo do Amarante.

A estimativa da CBTU é que 2 mil novos usuários passarão a utilizar o serviço diariamente, após a conclusão das obras, que vai beneficiar os moradores dos bairros Jardins e os trabalhadores do Parque Industrial da região.

“Depois de anos sem investimentos na expansão da malha férrea, a Superintendência Regional de Trens Urbanos só tem a agradecer ao MDR e ao Governo Federal por todo comprometimento e atenção aos pleitos da CBTU no Rio Grande do Norte, o que levará a companhia a atender diretamente 7 municípios da Região Metropolitana de Natal”, destacou o Superintendente da CBTU Natal, Leonardo Diniz. 

Durante o evento, se fez presente o diretor-presidente da CBTU, José Marques, que ressaltou em suas palavras a importância desse investimento em um sistema tão essencial a sociedade, que permite a mobilidade urbana da população, com uma tarifa social. 

“Esse é um marco para a CBTU do Rio Grande do Norte e para a população potiguar, principalmente em relação ao desenvolvimento das cidades que vão compor o novo trajeto ferroviário”, afirmou. 

O diretor-presidente ressaltou que a Companhia agradece ao Ministro Rogério Marinho e ao Ministério do Desenvolvimento Regional, que disponibilizou recursos da sua própria pasta para que fosse possível esse investimento no estado.

Nenhum comentário