Toque de recolher: audiência termina sem acordo entre Natal e Governo do RN

 


A audiência de conciliação  entre o Governo do Estado e a Prefeitura de Natal sobre os decretos em decorrência da pandemia de covid-19 terminou sem consenso na tarde desta quarta-feira (10), após três horas de duração.

A conciliação, mediada pelo desembargador Dilermando Motta, esbarrou no primeiro ponto, que se referia à unificação do toque de recolher. O prefeito Álvaro Dias defendeu o horário de 21h às 06h, enquanto a governadora Fátima Bezerra manteve o que consta no decreto estadual: 20h às 06h, até o dia 17, sendo reavaliado no dia 16.

Fonte: Justiça Potiguar

Nenhum comentário