Brasil bate recorde diário e registra 2.841 mil mortes por Covid-19 em 24h

 


Brasil  bateu novo recorde de mortes diárias pela Covid-19 e registrou 2.841 óbitos nas últimas 24 horas. Inicialmente, os dados divulgados nesta terça-feira (16) pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) por volta das 18 horas registraram 2.340 mortes - a soma não incluiu o número do Rio Grande do Sul, que registrou 502 mortes de segunda para terça-feira.


Na plataforma do Conass, um aviso diz que o Rio Grande do Sul teve dificuldades para acessar a base de dados, o que fez as informações desta segunda-feira (15) serem repetidas. Por isso, o iG acessou diretamente os levantamentos de Secretaria de Saúde do Rio Grande do Sul e encontrou o número de novos óbitos nas últimas 24 horas.


O Ministério da Saúde confirmou o número de 2.842 por volta das 19h. Com isso, o total de mortes no Brasil chegou a 282.128.

De acordo com o Conass, a  média móvel de óbitos nos últimos sete dias também bateu recorde, chegando a 1.894. Esse é a 18ª vez consecutiva que o recorde é batido.


De acordo com o conselho, os novos casos confirmados de Covid-19 são 74.595, totalizando 11.594.204. Em contaminações, a média móvel da última semana foi de 67.396.

Os dados incluem pessoas sintomáticas e assintomáticas, o que significa dizer que, nesse último caso, são pacientes que foram ou estão infectadas, mas não apresentaram sintomas da doença.


O recorde de mortes desta terça-feira foi puxado principalmente pelo estado de São Paulo, que teve 679 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas . Esse é o maior número registrado no estado desde o início da pandemia. Há um ano, essa era a quantidade de pessoas morriam diariamente no Brasil todo.


IG

Nenhum comentário