Covid-19: Dez hospitais públicos estão com 100% dos leitos críticos ocupados no RN

 


Dez hospitais públicos do Rio Grande do Norte estão com 100% dos leitos críticos para Covid-19 ocupados. É o que aponta o Regula RN, plataforma que monitora as internações pela doença em todo o estado. A consulta foi realizada às 17h45 desta quarta-feira (17). Há quatro dias, eram seis.

Os hospitais que estão com lotação máxima são:

Hospital Colônia Dr. João Machado (Natal)

Hospital de Campanha (Natal)

Hospital Giselda Trigueiro (Natal)

Hospital Manoel Lucas de Miranda (Guamaré)

Hospital Maternidade Divino Amor (Parnamirim)

Hospital Regional de João Câmara (João Câmara)

Hospital Regional Dr. Tarcísio de Vasconcelos Maia (Mossoró)

Hospital Regional Lindolfo Gomes Vidal (Santo Antônio)

Hospital Regional Nelson Inácio dos Santos (Assu)

Maternidade Infantil Integrada de São Paulo do Potengi (São Paulo do Potengi)

10 hospitais estão com 100% dos leitos ocupados no RN — Foto: LAIS

10 hospitais estão com 100% dos leitos ocupados no RN — Foto: LAIS

Já os hospitais Dr. Mariano Coelho e Municipal Aluízio Bezerra estão com 80% dos leitos ocupados, número também considerado preocupante pelas autoridades de saúde.

Ainda de acordo com o Regula RN, que é coordenado pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS) da UFRN em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), atualmente o estado está com 78,1% dos leitos críticos para Covid-19 ocupados.

Antes de fevereiro, a última vez que essa marca havia sido atingida foi em julho, quando o estado entrava num cenário de queda de internações após ultrapassar os 90% - taxa que foi persistente desde o mês de maio.

A situação mais preocupante atualmente é na Grande Natal, que registra 86,6% de ocupação. Segundo o comitê científico estadual, o percentual máximo orientado para a liberação das atividades econômicas é de 80%.

Atualmente, o Rio Grande do Norte tem 537 pessoas internadas com Covid-19, segundo aponta o boletim epidemiológico da Sesap divulgado nesta quarta-feira (17). São 354 na rede pública e 183 na rede privada. A taxa de ocupação dos leitos críticos (semi-intensivo e UTIs), segundo o boletim da Sesap, é de 63,4% na rede pública e de 73,2% na rede privada.

Num cenário de alta, o estado voltou a ter mais de 500 pacientes internados por conta da Covid-19 após sete meses.

Na terça-feira, a Prefeitura de Natal anunciou a abertura de mais 10 leitos críticos para Covid-19 no Hospital de Campanha até a sexta-feira (19). Atualmente, os 20 leitos estão ocupados.

G1 RN

Nenhum comentário