Voluntários e Governo entregam 30 mil máscaras neste sábado (12)

 
Diversos pontos de Natal e municípios do RN recebem, na manhã deste sábado (12), equipes de voluntários e do Governo para distribuição de 30 mil máscaras de proteção facial contra o coronavírus, fornecidas por meio do programa RN + Protegido.
 
Em Natal as equipes de voluntários se concentraram às 8h na Ponte Newton Navarro, e também entregaram máscaras na feira livre no bairro do Alecrim, Jardim Progresso, estação do trem e paradas de ônibus de Nova Natal, Lagoa Azul, Felipe Camarão e Cidade Nova.
 
A Defesa Civil do Governo e a Cruz Vermelha, durante entregas de cestas básicas do RN Chega Junto, distribuirão máscaras em Canguaretama, Ceará Mirim, Goianinha, Sítio Novo e Serrinha.

A ação contou com 9 associações comunitárias da Zona Norte, grupo de veteranos dos fuzileiros navais, Comunitários contra Covid, grupo voluntário vinculado à Secretaria de Segurança Pública do Governo, a Defesa Civil, além da Cruz Vermelha.

Para Pedro Lopes, Controlador Geral do Estado e um dos coordenadores do programa RN + Protegido, que forneceu as máscaras para as operações, “as atividades são ações humanitárias promovidas por dezenas de voluntários que se preocupam com a saúde da população e absolutamente necessária nesse novo momento da pandemia que requer a retomada dos cuidados por todos”.

Celi Peixoto é voluntária da Associação de Moradores de Rua (Amas) e angaria alimentos para cozinhar e entregar refeições a moradores de rua. Ela é uma das participantes da ação deste sábado no RN Chega Junto.
 
“Pedimos a um e outro para poder ajudar os moradores, e essa ação será uma benção para nós porque recebemos muito pouco apoio. Na maioria das vezes tiramos do bolso para fazer a comida. Esperamos conseguir alimentos e os materiais de proteção para ajudar os moradores de rua”, disse Celi.

O RN + Protegido

O programa RN + Protegido é uma parceria do Governo do RN com indústrias de confecção do RN, em especial a Guararapes e Coteminas, além do Sindicato da Construção Civil no RN (Sinduscon). Até o momento já distribuiu 6,2 milhões de máscaras, chegando a pelo menos 2 milhões de habitantes do Estado, em todos os seus municípios. 
 
A ação foi pensada para o enfrentamento dos impactos da calamidade pública decorrente do novo coronavírus no Rio Grande do Norte. O uso de máscaras é mais uma das medidas que, somada às demais recomendadas pelo Ministério da Saúde e pela Organização Mundial da Saúde, como o distanciamento social, a etiqueta respiratória e a higienização das mãos, visam interromper o ciclo da COVID-19.

Neste projeto, o Governo do RN está investindo R$ 3 milhões, garantindo o pagamento da mão de obra das peças fabricadas. As empresas parceiras doaram matérias-primas para confecção, além de peças prontas abaixo do preço de custo.
 
A união Governo e empresários está proporcionando a maior ação de distribuição de máscaras do país, a baixo custo, assim como assegurou a manutenção do emprego de mais de 4 mil costureiras do programa Pró-Sertão, especialmente na região do Seridó.

Nenhum comentário