RN tem 28,5 mil testes para Covid-19 que vencem até o fim de dezembro, diz Sesap

 


O Rio Grande do Norte tem 28,5 mil testes RT-PCR para Covid-19 com prazo de validade até o fim de dezembro de 2020. Segundo a Secretaria de Estado da Saúde Pública do RN (Sesap), há a possibilidade desses testes não serem usados antes do vencimento, pois "não se adequam aos kits de extração manual adquiridos pelo Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública)".

Essa incompatibilidade ocorre também em outros laboratórios pelo Brasil e, segundo a pasta, a Coordenação Geral de Laboratórios de Saúde Pública (CGLAB), do Ministério da Saúde (MS), informou que busca alternativas para a situação.

Os kits usados nos testes RT-PCR que têm validade até dezembro são de extração automatizada.

O Ministério da Saúde diz que espera receber ainda esta semana estudos sobre a viabilidade de estender a validade dos testes no Brasil. A reportagem entrou em contato com o MS para tratar sobre a situação no Rio Grande do Norte, mas até a última atualização da matéria não recebeu retorno.

Assim, os 28,5 mil testes só conseguirão ser usados, caso haja uma definição da questão a tempo. Até o momento, a Sesap alega não ter o kit referente.

"Os kits e equipamentos de extração automatizada que se adequam aos testes enviados pelo Ministério (da Saúde) e que foram prometidos não vieram", disse em nota.

A pasta explicou que o kit de extração manual utilizado pelo Lacen dá mais rapidez na liberação do exame.

"O Estado fez a aquisição desses kits de extração manual que permitiram durante esses últimos quatro meses que o Lacen liberasse os resultados em no máximo 24 horas", explicou Derley Galvão, diretor do Lacen.

De acordo com o diretor, através da extração manual, o laboratório "consegue faze uma quantidade idêntica de exames num menor tempo" do que se usasse a extração automatizada.

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde Pública, o Governo do RN e o Ministério da Saúde adquiriram insumos para realização dos testes e não há falta desse material no estado.

A Sesap informou ainda que tem capacidade para analisar 1 mil testes de Covid-19 por dia. A média diária de exames feitos, no entanto, está abaixo disso. Na última semana, houve um aumento e foram 700 testes analisados por dia. A média do meses anteriores era de 300.

G1 RN

Nenhum comentário