RN adere à campanha mundial de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres

 


Iniciada no dia 20 de novembro, com a posse do Conselho Estadual de Promoção de Políticas de Igualdade Racial, o Governo do Estado adere à campanha mundial “16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres”.

Em outros países a campanha tem início no dia 25 de novembro, Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher, mas no Brasil começa antes para incorporar o Dia da Consciência Negra (20 de novembro) e vai até 10 de dezembro, Dia Internacional dos Direitos Humanos. 

A campanha foi idealizada pela ONU, em 1991, e desde então trata-se de uma mobilização anual, que atualmente já conquistou a adesão de cerca de 160 países, sendo construída pela sociedade civil e do poder público. Essa construção serve como uma estratégia de mobilização de indivíduos e organizações, em todo o mundo, para engajamento na prevenção e no combate da violência contra as mulheres e meninas.

No Rio Grande do Norte, o Governo Estadual segue com ações e atividades para aprimorar os serviços de prevenção e acolhimento às mulheres vítimas de violência doméstica e familiar.

O conjunto da programação é uma ação integrada entre a Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP), Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC) e Subsecretaria de Políticas para Mulheres (Spm/SEMJIDH). A programação completa se encontra disponível no site da SEMJIDH: semjidh.rn.gov.br

Nenhum comentário