Motorista de aplicativo, filho de radialista, foi morto com quatro tiros, aponta laudo do ITEP

 

Foto: reprodução

O filho do radialista Flávio Campos, Lucas Samuel dos Santos Santana, encontrado morto na manhã do sábado (03), na cidade de Canguaretama foi alvo de quatro tiros, que atingiram o tórax e a cabeça, segundo o laudo preliminar do Instituto Técnico e Científico de Perícia concluído na tarde desta segunda-feira (05).

O motorista de 23 anos que trabalhava em uma plataforma de transporte por aplicativo estava desaparecido desde a sexta-feira (02), após realizar uma corrida para o interior do Estado. O carro que Lucas usava foi encontrado dois depois abandonado em uma das ruas do bairro Capim Macio, em Natal.

Na tarde desta segunda-feira (05), ainda bastante abalado, Flávio comentou a morte do filho pedindo apoio aos amigos neste momento de dor e sofrimento. “Não está sendo fácil para mim, eu morri também por dentro com ele e já não sei o que fazer. Só espero que quem fez isso com o meu filho possa ser encontrado e preso o quanto antes para que outras pessoas inocentes como Lucas também não sejam assassinadas”, disse.

O secretário de segurança pública do Estado, o Coronel Francisco Araújo relatou que a Polícia Civil não vai medir esforços para elucidar o crime e que lamentava profundamente a morte do jovem. “É um momento triste para a família do jovem Lucas e aqui ficamos solidários e principalmente a disposição para encontrar e prender o autor ou os autores. Possuímos um corpo investigação inteligente que não vai demorar a solucionar este crime”, destacou.

O corpo de Lucas está sendo velado em um centro de velório na zona Norte e deverá ser sepultado na manhã desta terça-feira no cemitério Parque da Passagem.


Portal BO

Nenhum comentário