Guarda Municipal detém paciente psiquiátrico que ameaçava irmã


Agentes da Guarda Municipal do Natal (GMN) conseguiram, nessa terça-feira (08), resgatar uma mulher que estava sendo ameaçada de morte pelo irmão, que é paciente psiquiátrico e usuário de drogas. O fato ocorreu no bairro de Pajuçara, onde o homem estava dentro da residência da vítima de posse de uma arma branca e a todo tempo informava aos guardas municipais que mataria a irmã e em seguida se mataria.

 

A princípio, a guarnição do Grupamento de Ação Patrimonial da GMN (Gapa) fez várias tentativas de acalmar o homem negociando a situação e trabalhando dentro dos critérios da doutrina de gerenciamento de crise, porém não foi possível fazer com que o cidadão se entregasse. “Após várias tentativas infrutíferas de negociação, solicitamos apoio de mais homens que chegaram ao local da ocorrência. Então, cercamos toda a residência”, contou um dos guardas.

 

Nessa situação, a equipe de negociação conseguiu trazer a atenção do homem enquanto guarnições da Ronda Ostensiva (Romu) e Ronda Saúde (RondaS) invadiram a residência e, num momento de distração do agressor, os guardas agiram protegendo a vítima, desarmando e imobilizando a ameaça. Na frente da residência, já se encontrava uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), onde o detido foi entregue aos profissionais de saúde, sendo em seguida feito o deslocamento do mesmo até o Hospital Psiquiátrico João Machado.

Nenhum comentário