Governo investiu mais de R$ 50 milhões em obras das Centrais do Cidadão



O Governo do Estado está investindo mais de R$ 50 milhões na construção, ampliação e reforma de 22 prédios das Centrais do Cidadão espalhados ao redor do RN. Até agosto deste ano, 18 das 22 Centrais foram concluídas por meio do projeto Governo Cidadão, Secretaria Estadual de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas) e recursos do Banco Mundial. Outras quatro devem ficar prontas até o ano que vem.

A Central do Cidadão de São Miguel é uma das que está pronta para ser inaugurada. Nos próximos dias a empresa responsável fará a entrega provisória junto ao fiscal da obra e o projeto Governo Cidadão. Os investimentos somam R$ 1,8 milhão em obras e equipamentos e, além de evitar gastos com aluguel – já que foi construída em terreno doado pela Prefeitura -, vai garantir mais conforto e funcionalidade aos usuários e servidores.

Uma Central própria era um sonho antigo da população, que normalmente tem que se deslocar 40 km até Pau dos Ferros para usufruir dos serviços do equipamento. Em São Miguel a Central vai atender os municípios de Coronel João Pessoa, Venha Ver, Doutor Severiano, além de municípios cearenses como Pereiro, Icó e Jaguaribe. A unidade vai oferecer serviços de emissão de carteiras de identidade e CPF e contará com instituições parceiras como AGN, Caern, Detran, Ipern, Itep, Procon, Defensoria Pública e Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

O investimento de mais de R$ 52 milhões em Centrais do Cidadão visa ampliar e qualificar a prestação de serviços públicos à população, em especial no interior do Estado, além de gerar economia com despesa de aluguel. Entre os municípios beneficiados estão Alexandria, Apodi, Assu, Caicó, Caraúbas, Ceará-Mirim, Currais Novos, João Câmara, Macaíba, Macau, Mossoró, Nova Cruz, Parelhas, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz, São José de Mipibu, São Paulo do Potengi, São Miguel, e Natal – zona Norte, Sul e Oeste.

Em Natal, a Central do Cidadão da Zona Norte também está perto de ficar pronta. As obras já foram 76% executadas, com previsão de terminarem em novembro. Os investimentos somam R$ 2,9 milhões.

O Rio Grande do Norte está ganhando, no total, 16 novas Centrais do Cidadão com sedes, além da reforma de outras seis. Todas com intervenções que seguem o padrão do Programa de Atendimento ao Cidadão, da Secretaria de Estado da Administração (SEAD), obedecendo a um modelo de gestão focado na eficácia dos serviços prestados.

Saiba mais
Em fevereiro de 2019, o secretário de Gestão de Projetos e Metas, Fernando Mineiro, convocou uma reunião com empresas, fiscais, supervisores e gerenciadoras responsáveis pelas obras das Centrais do Cidadão em execução. Na época, 15 ainda estavam em obras. Ciente de que algumas estavam paralisadas, o objetivo era destravar o que estivesse impedindo o andamento. Questões estruturais, de erros de projeto, de acabamento e adequações eram os impedimentos na época.

Superados esses entraves, atualmente 18 das 22 Centrais do Cidadão já estão concluídas. As Centrais de Macaíba e Nova Cruz já tiveram as obras retomadas, enquanto a da Zona Sul e Zona Oeste de Natal serão reiniciadas em breve.  

Nenhum comentário