Francisco do PT registra 111º aniversário da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica

Crédito da Foto: João Gilberto

O deputado estadual Francisco do PT registrou, em pronunciamento na sessão ordinária desta quinta-feira (24) na Assembleia Legislativa do RN, o 111º aniversário da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (comemorado no dia 23 de setembro). A Rede é reconhecida no Brasil e internacionalmente e conta hoje com mais de 1 milhão de estudantes de todos os níveis e cerca de 80 mil servidores (professores e técnico-administrativos).

“A comunidade não está em condições de comemorar com o movimento festivo que poderia ser realizado. Ao contrário, ontem foi um dia de luta, de ir às ruas, contra os mais de 150 dias de intervenção. Porque o reitor-interventor atual sequer foi votado pela comunidade. Enquanto isso, o professor reitor eleito, José Arnóbio, aguarda ansiosamente, junto com a comunidade, que a justiça seja feita e a democracia seja respeitada”, afirmou.

Francisco falou um pouco da história recente do Instituto Federal aqui no Rio Grande do Norte. “Queria destacar que antes dos governos de Lula e Dilma o Rio Grande do Norte tinha apenas dois campi - o campus central em Natal e um em Mossoró. E havia um decreto, de número 2.208/97, da época de FHC, que proibia a expansão da educação profissional e que só permitia a expansão através de uma parceria. E isso inviabilizava a expansão não só no RN, mas em todo o país”, apontou.

O parlamentar enumerou que atualmente, o RN conta com 21 Institutos Federais prontos e mais um em construção. “A deputada Fátima Bezerra lutou muito para que o RN saísse de dois para 21 já construídos e um em construção. Aproveitando, queria fazer aqui um registro e parabenizar o IF, toda sua comunidade, servidores e servidores, pela passagem dos 111 anos, mas esse não é um aniversário feliz”, finalizou.

 

Nenhum comentário