Hospital Municipal de Natal encerra atendimento para casos de Covid-19


A Secretaria Municipal de Saúde Pública (SMS) encerrou nesta quinta-feira os atendimentos para Covid-19 no Hospital Municipal de Natal. A unidade, que é localizada na Zona Leste da capital, era um dos três pontos de internação para pacientes infectados pelo novo coronavírus.
A justificativa do Município é a desaceleração na curva de casos suspeitos e confirmados para a Covid-19 e a queda no número de internação dos leitos na atenção especializada montada para tratamento da doença. Segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), a capital potiguar tem 21.267 casos.
A Pasta relata ainda aumento no atendimento nas Unidades de Pronto Atendimento para tratamento de outras patologias. Com base nos dados, a Secretaria de Saúde iniciou a reestruturação da rede hospitalar do município.
Esta semana, o secretário de Saúde de Natal, George Antunes, se reuniu com a direção dos hospitais públicos municipais (Municipal, Campanha e dos Pescadores), além do Samu e coordenação da Rede de Urgência e Emergência da capital para construir a nova reorganização do fluxo para o tratamento à Covid-19.
Com a mudança, os atendimentos da infecção do novo coronavírus serão restritos ao Hospital de Campanha e ao Hospital dos Pescadores. Com isso, o Hospital Municipal ficaria encarregado de receber internamentos clínicos e cirúrgicos de outras doenças. Segundo a SMS, os pacientes com Covid-19 internados no Municipal. A expectativa é transferi-los ainda esta semana para o de Campanha.
“O Hospital de Campanha, atualmente, funciona com menos de 50% de sua capacidade de internação e o Hospital Municipal também. Então, a partir de agora, de forma sistemática e em etapas, vamos concentrar as internações para tratar à Covid-19 no Campanha e no Pesacadores, assim vamos otimizar recursos e, ao mesmo tempo, tratar os pacientes de outras doenças”, finalizou George Antunes.

Nenhum comentário