Centro de Enfrentamento à Covid-19 da zona leste começa a atender população de Natal



A zona Leste de Natal agora tem à disposição um Centro de Enfrentamento a Covid-19. O equipamento começou a funcionar nesta quinta-feira (12) e é o terceiro que a Prefeitura de Natal disponibiliza para a população. Funciona no Palácio dos Esportes de segunda a quinta-feira, das 8h às 16h, e às sextas-feiras, das 8h às 12h. Os pacientes devem apresentar CPF, Cartão SUS e comprovante de residência de Natal.
O prefeito de Natal, Álvaro Dias, acompanhou o início dos atendimentos. Ele ressalta que a instalação dos Centros de Enfrentamento a Covid-19 se mostrou eficaz e contribuiu muito para Natal atingir índices positivos em relação à ocupação de leitos, número de novos casos, taxa de contágio e óbitos registrados. Além disso, os espaços ajudam a desafogar as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e UPAs da cidade.
"Essa foi uma aposta acertada da gestão. A grande sacada é o tratamento precoce. O paciente já sai com os remédios em mãos. Estamos em uma situação satisfatória da pandemia em Natal, mas até chegarmos a esse momento o nível de esforço e trabalho foram imensos. Não iremos relaxar. É momento de seguir com os cuidados de higiene pessoal, usando máscara e só saindo de casa em situação de extrema necessidade. Seguiremos assim até vencermos essa realidade de uma vez por todas", disse o Prefeito.
Estão sendo admitidos no Centro os natalenses que apresentam sintomas como febre, tosse ou dor de cabeça. No local, eles passam por uma triagem com medição de temperatura, aferição de pressão arterial e verificação de níveis de oxigenação. Na sequência, são avaliados em uma consulta médica com o profissional indicando a conduta a ser adotada pelo paciente e a necessidade ou não da realização do teste tipo Swab (RT/PCR). Caso também seja necessário, o cidadão atendido já sai do Centro com o protocolo medicamentoso prescrito com 12 itens para iniciar o tratamento.
"Os bairros da zona Leste apresentaram uma incidência forte de casos e resolvemos instalar o Centro para enfrentar a situação de forma mais contundente. Essa estratégia mostrou resultado nas zonas Norte e Oeste e replicamos aqui com a certeza de obtenção dos mesmos resultados", disse o secretário municipal de Saúde, George Antunes.
Os usuários do centro aprovaram os serviços oferecidos no local: "Estou com tosse e um leve cansaço. Soube da abertura do local e resolvi buscar atendimento. Fui muito bem acolhida, a consulta médica foi muito boa, consegui fazer o teste e estou com os remédios para iniciar logo o tratamento. Isso aqui é muito bom para a população", avaliou Soraia Machado, moradora do bairro do Alecrim.

Nenhum comentário