Walter Gomes - Adiar eleição é pauta da conveniência


Meado da próxima semana, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Roberto Barroso, pode reunir-se com líderes partidários e médicos para avaliação do momento “mais conveniente” para adiar o primeiro turno da eleição municipal – prefeituras e câmaras de vereadores.

Embora dirigentes de legendas do ascendente Centrão – agora, da base de apoio ao governo – não simpatizem com a ideia, apesar da pandemia em alta, amplia-se a tendência avalizada pelos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, ambos do DEM.

Primeira opção ascendente é transferir primeira fase do embate de outubro para novembro e o segundo turno para dezembro. Mudança no calendário depende, porém, de emenda constitucional a ser negociada entre as excelências das duas casas do Congresso Nacional.

WALTER GOMES
facebook.com/terwalsegom
@waltergomes_reporter
@Tervalsegom

Nenhum comentário