Obras do Hospital Regional de Pau dos Ferros avançam



Em breve, a população de Pau dos Ferros e região terá acesso, na rede pública, a exames complexos de tomografia computadorizada. O Governo do RN abriu licitação no último mês de maio para a compra de um tomógrafo para o Hospital Regional Dr. Cleodon Carlos de Andrade e já iniciou as obras para que o equipamento seja instalado adequadamente. A ação faz parte das medidas do Governo do Estado no combate à Covid19 no RN.

A compra do aparelho e a obra estão sendo viabilizadas pelo Projeto Integrado de Desenvolvimento Sustentável do RN – Governo Cidadão, com recursos do empréstimo com o Banco Mundial, com aplicações de R$ 1.4 milhão e R$ 335 mil, respectivamente.

Sob a responsabilidade da A&C Construções e Serviços, a adequação estrutural da área que receberá o equipamento está 20% concluída, com a expectativa de entrega para o mês de setembro, período em que o tomógrafo também estará sendo entregue e instalado.

“A chegada do tomógrafo é de grande valia para a logística de nosso hospital e traz muitos benefícios para todo o Alto Oeste.  Quando o dispositivo for instalado, as demandas que eram encaminhadas para Mossoró e Natal serão solucionadas aqui mesmo. Com o suporte necessário, daremos mais celeridade aos resultados e tratamentos de nossos pacientes”, comemorou o diretor da unidade, Raimundo Farias, destacando que na última quinzena o hospital recebeu um aparelho de Raio-X digital e de Ultrassonografia, além de outros equipamentos hospitalares como monitores, cardioversores, aparelhos para anestesia, aspiradores, reanimadores manuais e mobiliários que vêm sendo entregues para o fortalecimento regional da Saúde e também para auxiliar no combate à Covid19. Investimentos advindos do empréstimo junto ao Banco Mundial que ultrapassam R$ 1.3 milhão.


MANUTENÇÃO DAS OBRAS

Para manter a execução das obras neste período de pandemia do novo coronavírus, a A&C Construções assinou um termo de compromisso com o Governo do Estado para proteger seus operários com EPIs necessários, exigindo distanciamento de segurança entre eles e garantindo álcool 70% e sabão líquido para a higiene das mãos.

Nenhum comentário