Governo abre mais 31 UTIs em Natal e Pau dos Ferros



O Governo do RN, através da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) coloca em funcionamento até este domingo, dia 28, mais 31 UTIs e 6 leitos clínicos para atendimento aos pacientes de Covid-19. Os novos leitos foram confirmados pela coordenadora das redes de atenção à saúde da Sesap, Samara Dantas, na entrevista coletiva desta sexta-feira, 26, para atualização dos dados da pandemia e das ações da gestão estadual.

Os dados epidemiológicos da Covid continuam crescendo, ao mesmo tempo em que a taxa de isolamento permanece muito baixa - 39,2% - em relação à meta que é entre 60 e 70%. A taxa de transmissibilidade, que ontem era de 0,6% voltou a subir para 0,76%. "A transmissibilidade já foi entre 1,5 a 2,1. Melhorou, mas precisa ficar de sete a dez dias em nível mais reduzido para termos efeito positivo na contenção da pandemia", explicou a coordenadora, para ressaltar que "ainda são necessárias as medidas de distanciamento social. Quem puder fique em casa".

A taxa de ocupação geral de ocupação de leitos nesta sexta-feira é de 95,5% e 734 pessoas estão internadas em leitos críticos e clínicos. A fila de regulação tem 80 pacientes críticos, 35 clínicos e há 16 aguardando transporte sanitário, mas já com vaga assegurada.

Nas regionais de saúde com sedes em Mossoró, Pau dos Ferros e João Câmara (segunda, sexta e terceira regionais) a ocupação de leitos é de 100%. Na região metropolitana de Natal (sétima regional), 97,2%. Na quarta regional, com sede em Caicó, 79,3%, ou seja 23 das 29 UTIs do Hospital Regional de Caicó estão ocupadas.

Os casos confirmados são 23.730 (acréscimo de 1.131 casos em relação ao boletim epidemiológico de ontem), 31.745 suspeitos (mais 1.110 casos em relação ao boletim de ontem), 36.720 descartados, 889 óbitos (11 nas últimas 24 horas, 20 ocorridos em dias anteriores e 31 em relação ao boletim de ontem).

CASOS ENTRE PROFISSIONAIS DA SAÚDE E DA SEGURANÇA

O Centro de Referência Estadual em Saúde do Trabalhador (CEREST) das Sesap acompanha a ocorrência de Covid 19 junto às categorias de trabalhadores da Saúde e da Segurança Pública. Os dados apurados, segundo a coordenadora do CEREST, Kelly Lima, atestam que hoje 10% das pessoas infectadas pelo novo coronavírus são profissionais da Saúde das redes pública estadual e municipal e privada.

Os profissionais de Saúde são a categoria mais testada no RN. No início da pandemia, 25% dos casos atingiam estes profissionais. "Hoje temos menos de 10% casos. A redução se deu devido ao intenso trabalho que realizamos nas unidades de saúde com orientações sobre biossegurança e uso adequado de EPIs", afirmou Kelly Lima.

O RN tem 2.207 profissionais de Saúde confirmados com covid. Na categoria foram contabilizados 18 óbitos, dos quais 3 foram de aposentados que contraíram o vírus fora do ambiente de trabalho. Oito óbitos aconteceram em Mossoró e outros dez se somam na região metropolitana de Natal.

Entre os profissionais da Segurança Pública, 453 contraíram a covid e há 578 casos suspeitos. A maioria são homens com idade entre 30 e 49 anos. Foram registrados dois óbitos, um em Mossoró e um na região metropolitana de Natal.

Os dados mostram que 48% casos confirmados para covid no RN são de pessoas com idade entre 30 e 49. "Entendemos que são pessoas que estão em idade ativa e trabalhando. O local de trabalho pode, sim, ser local de transmissão. Daí a importância do distanciamento e das barreiras para o exercício do trabalho de forma segura", registrou Kelly Lima. Ela ainda destacou a importância da adesão das pessoas, das empresas e instituições ao Pacto pela Saúde que também visa fomentar junto aos municípios estratégias para a segurança no trabalho.

Nenhum comentário