Advocacia: tecnologia otimiza a gestão financeira dos escritórios



Pode ser bastante desafiador para um advogado que resolve montar seu próprio escritório lidar com todas as questões que envolvem a criação e gestão de um empreendimento.
Quando se cria um escritório, a rotina não será formada só por ações e processos, mas também da relação com clientes, funcionários, colegas advogados, sócios e, uma das questões mais importantes, a gestão financeira.
Garantir que o escritório traz rentabilidade é mais complicado do que lidar com planilhas de receitas e despesas.
Por isso, a tecnologia tem trazido importantes ferramentas para otimizar a gestão financeira. O investimento em um software para escritório de advocacia pode gerar bons frutos.

Organização é a base

A organização financeira é uma das fundações sobre a qual deve ser construído um escritório bem sucedido.
O advogado gestor tem que entender o processo e evitar as falhas que podem propiciar erro humano, falhas de atendimento e desperdício de tempo. Inclusive - e principalmente - por parte dele mesmo, ao achar que precisa controlar tudo, sem ouvir quem entende ou adotar práticas que ajudam na organização.
Estes comportamentos trazem embutidos o potencial dano aos clientes; sem eles, não há como se manter no mercado.
Portanto, o profissional precisa aprender a logística de gastos e ganhos. Ou seja, saber o custo fixo do seu negócio jurídico, a exata margem de lucro em cada negociação e a porcentagem dos honorários advocatícios destinada para cobrir despesas com clientes e custas processuais.
No início, planilhas do Excel ou do Google podem ajudar no processo. No entanto, se o profissional está mirando no crescimento, vai lidar com a dificuldade de seguir alimentando a planilha, o que pode refletir no controle financeiro.
É neste contexto que entra a opção de sistematizar e de reunir todos estes afazeres ao utilizar um software para advogados.

As vantagens do software jurídico

Uma boa gestão financeira depende do mapeamento das despesas fixas, da administração rotineira do capital de giro, do planejamento financeiro com balanço patrimonial e demonstrativo de resultados, e do investimento planejado, conforme metas desenhadas anteriormente.
Nem sempre um gestor tem condição de cuidar de tantos afazeres, sem se confundir com a quantidade de planilhas, especialmente quando o escritório está em crescimento.
Com o software jurídico, variadas tarefas podem ser executadas. Do controle de contas ao repasse financeiro a terceiros, ele auxilia na gestão do escritório de advocacia trazendo redução de custos com processos manuais, mais produtividade e confiabilidade no levantamento de informações.
Outro ponto é poder acessar e atualizar facilmente os timesheets e honorários, gerar boletos e relatórios. Estas ações ajudam na rotina de manter o fluxo de caixa em dia, de forma mais prática e integrada às outras informações do escritório. Por serem informações vitais, o software permite a restrição de acesso a elas apenas às pessoas autorizadas.
Entre os demais benefícios de se apostar na gestão informatizada, pode-se mencionar a diminuição de retrabalhos. Afinal, com todas as informações centralizadas, aumenta a precisão e a confiabilidade dos dados disponibilizados aos profissionais.
Como os dados são organizados de forma que podem observados a partir de uma visão mais holística, o gestor tem mais condição de apurar resultados, controlar o fluxo de caixa e identificar como o sistema financeiro opera para melhor aproveitamento dos recursos.
Todas estas características apontam a relevância de um software jurídico para manter a cadeia de engrenagens do escritório funcionando de forma fluida, sem contratempos.
A possibilidade de acompanhar e controlar a movimentação financeira com mais clareza permite maior segurança para cada colaborador poderá se concentrar nas tarefas onde realmente é necessário, tendo acesso fácil às informações de que necessita, sem descuidar do atendimento ao cliente. Desta forma, com bases sólidas, o escritório poderá trabalhar para crescer e se destacar no mercado.

Nenhum comentário