Governo autoriza realização de concurso público para a Polícia Civil do RN

 
A edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta quinta-feira (12) trouxe a autorização do Governo do Rio Grande do Norte para a realização do concurso público da Polícia Civil.
De acordo com o documento, prazo para a publicação do edital é de 180 dias (a contar da data de autorização no DOE). Serão 301 vagas para provimento imediato. As vagas são para os cargos de delegado, agente e escrivão de polícia da Carreira de Polícia Civil do RN.
A banca para a realização do concurso ainda será escolhida e o edital será lançado em sequência. O último certame havia sido em 2008.
Todas as carreiras têm o nível superior como requisito. No caso do delegado, é preciso ter graduação em Direito. Os salários iniciais e finais já tinham sido revelados pela Polícia Civil, sendo eles:
  • Delegado – R$ 15.288,90 (inicial); R$ 23.302,70 (final)
  • Agente – R$ 3.755,48 (inicial); R$ 9.465,60 (final)
  • Escrivão – R$ 3.755,48 (inicial); R$ 9.465,60 (final)
De acordo com o MPRN, o atual efetivo da Polícia Civil, que é de 1.371 policiais (162 delegados, 185 escrivães e 1.024 agentes), representa 26,6% dos 5.150 cargos previstos em lei (350 delegados, 800 escrivães e 4 mil agentes). Algo bem abaixo do que vai ser ofertado nesse concurso (301 vagas).
O MPRN lembra, ainda, que há 130 policiais civis aptos à aposentadoria voluntária, dos quais 13 estão próximos da aposentadoria compulsória por idade.

Nenhum comentário