Técnico e dois atletas de Natal são convocados para torneio da PSG na França


Após as conquistas dos títulos inéditos na Paris Saint-Germain Academy Brasil, torneio que reuniu as seleções de todas as sedes da escola de futebol oficial do clube francês em janeiro, a PSG Academy Natal recebeu a convocação de três integrantes para o torneio mundial com os principais atletas de todas as unidades da franquia francesa, a PSG Academy Cup. O técnico Severo Júnior e o ala Lowen Tamberg foram convocados para a seleção Sub-11, enquanto o zagueiro Arthur Bras foi selecionado para a equipe da categoria Sub-13. A competição acontece no mês de maio, em Paris, capital da França, com a presença das equipes dos 14 países em que a escola do clube francês atua.
Campeão da PSG pro Experience com a equipe Sub-15 e campeão da PSG Academy Brasil com o time Sub-11, o técnico Severo Júnior foi convidado para assumir a seleção nacional da categoria 11 anos. O professor, que tem passagens por equipes profissionais de futebol de campo, aposta em um bom trabalho da equipe brasileira e acredita que a competição trará mais visibilidade para os alunos e professores da escola potiguar.
“O sentimento em representar a PSG Academy Natal nesse evento é gigantesco, porque vou realizar minha primeira saída, em nome da escola, com o objetivo de abrir novos horizontes para os nossos professores, como também novas possibilidades para os nossos alunos serem vistos. Representar o nosso estado e a nossa academia, em um torneio de dimensão mundial, é de extrema importância para nosso grupo”, ressaltou o treinador.
Na programação da equipe brasileira, que também contará as equipes das categorias Sub-7 e Sub-9, haverá uma semana de treinos, em regime de concentração, no Rio de Janeiro. O torneio ainda não está com a data fechada, mas a ansiedade já toma conta dos garotos.
Campanha com “vaquinha virtual”
O sonho de ser jogador supera qualquer desafio. Para o garoto Lowen Tamberg, de apenas 11 anos, a ida ao torneio tem uma motivação especial. Junto com a família, ele criou uma campanha nas redes sociais para juntar dinheiro e custear as passagens e hospedagens para a competição. A mãe de Lowen, a dona de casa Natalia Amarante explica que a ideia de conseguir o auxílio com a “vaquinha virtual” foi dela, após conversar com a família.
“A ideia da ‘vaquinha’ foi minha, para ajudar nas despesas da viagem a Paris, que são muito altas. Criamos o link para a arrecadação, com valor de R$ 16 mil, com uma margem para nós dois, já que irei acompanhá-lo”, contou a mãe de Lowen.
Natural de Recife, Lowen foi criado em Fernando de Noronha e se mudou com família para Natal há dois anos. Filho de pai surfista profissional e mãe desportista, sempre praticou de tudo um pouco quando o assunto é esporte. Aluno da PSG Academy Natal desde 2019, atua como ala na equipe Sub-11 da Academy. E para seguir com o sonho de jogar na França, a família abriu uma “varquinha virtual” para ajudar nas despesas de toda a viagem: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/convocado-para-representar-brasil-na-franca
“Eu fiquei muito feliz quando recebi a ligação da minha mãe. Estava na casa da minha avó, e ela ligou e deu a notícia para todo mundo. Foi muito legal e fiquei sem acreditar. Vou viajar para a França, conhecer um dos clube mais famosos do mundo e ainda vou jogar bola. Espero que seja bom e que nossa equipe jogue bem para trazer o título”, planejou o garoto.
Surpresa pelas redes sociais
Em férias com a família em uma praia do litoral Sul potiguar, o garoto Arthur Braz não esperava receber uma notícia tão especial em sua vida. Com a família e alguns amigos, ficou sem internet durante um dia inteiro. À noite, quando todos retornaram para casa, a mãe do menino viu em uma rede social que o filho havia sido convocado para representar o Brasil no torneio mundial. Surpresos, entraram em contato com o professor Severo Júnior, que confirmou a convocação inédita. “Quando vi o nome de Arthur, não acreditei. Mostrei ao pai dele e juntos mostramos a publicação a ele. Ficamos todos sem acreditar. Ele quase não dormiu nesse dia. Foi muito engraçado”, disse Joyce Laise, mãe do jovem zagueiro.
Diferente de Lowen, a família de Arthur já estava programando uma viagem e teve que refazer a programação, em razão da convocação do garoto. “Tivemos duas reuniões em família, juntamente com meus pais e uma conversa com um amigo muito próximo para analisar a viabilidade da viagem. E no fim decidimos confirmar a participação dele no torneio. Meu pai irá acompanhar Arthur no primeiro momento, para os treinos pré-campeonato. Depois, eu e meu marido (Eduardo) iremos com ele para Paris”, comemorou.
Fotos: Jocaff Souza / Fácil Comunicação

Nenhum comentário