Paraíba tem primeiro caso suspeito de coronavírus


Foto: Divulgação
De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (SES), o primeiro caso suspeito de coronavírus (Covid-19) na Paraíba foi identificado na terça-feira (25). O paciente é um paraibano de 59 anos, que está internado no Hospital Clementino Fraga, em João Pessoa. Segundo Geraldo Medeiros, secretário de Saúde da Paraíba, o diagnóstico final deve ser divulgado em até 48 horas.
Em nota, a SES afirma que o paciente esteve no Norte da Itália entre os dias 14 e 23 de fevereiro, e chegou no Brasil na segunda-feira (24), em um voo internacional com destino a Recife. Ainda segundo a secretaria, o homem começou a apresentar sintomas como tosse, febre e coriza durante a viagem.
Ao sinalizar os sintomas, o homem buscou atendimento médico por conta própria e realizou a coleta para exame acompanhado por familiares, ainda na terça-feira. As amostras foram encaminhadas para o Laboratório Central de Saúde Pública da Paraíba (Lacen) e a notificação para o Ministério da Saúde foi realizada. Conforme protocolo do ministério, o paciente está sendo tratado para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), enquanto aguarda a confirmação ou descarte de coronavírus. O quadro de saúde dele apresentou melhoras desde a internação, segundo a SES.
Confira nota oficial da SES na íntegra:
NOTA
A Secretaria de Estado da Saúde (SES-PB) informa que foi notificado nesta terça-feira (25/02) o primeiro caso suspeito para o novo Coronavírus na Paraíba. Trata-se de um Homem de 59 anos, com histórico de viagem à Itália entre 14 e 23/02, chegando ao Brasil na segunda, 24/02, em vôo internacional com destino a Recife – PE. Ainda durante a viagem o homem, que reside em João Pessoa, apresentou sintomas como tosse, febre e coriza.
O homem buscou o atendimento médico por conta própria, acompanhado por familiares, foi realizado atendimento assistencial, coleta para exame e realizada notificação para o Ministério da Saúde para definição de caso. O Paciente segue internado no Hospital Clementino Fraga, uma das unidades de referência para atendimento de casos suspeitos de Coranavírus e sendo tratado para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), como determina o protocolo do Ministério da Saúde, enquanto aguarda confirmação ou descarte de caso. Outras informações sobre seu estado de saúde serão divulgados em breve.
Em paralelo ao acolhimento do paciente no Clementino Fraga, a SES-PB juntamente com a Vigilância municipal, já deu início às primeiras medidas de vigilância, conforme estabelecido previamente no Fluxo Estadual para Caso Suspeito.
Importante destacar que a Paraíba possui um plano estadual para notificação e assistência para o novo Coronavírus, elaborado desde o fim de Janeiro e amplamente divulgado entre profissionais de saúde da rede pública e privada de todo o estado. Além do Hospital Clementino Fraga, em João Pessoa, o Hospital Universitário Lauro Wanderley também é unidade de atendimento para casos suspeitos para o novo Coronavírus na Paraíba, sendo este último para pacientes da pediatria.
João Pessoa, 26 de Fevereiro de 2020
Diário de Pernambuco

Nenhum comentário