Legislativo homenageia Lions Clube Natal Centro pelos 65 anos de fundação

Crédito da Foto: Eduardo Maia
 
 
Através dos mandatos dos deputados Hermano Morais e George Soares (PL), a Assembleia Legislativa promoveu, na tarde desta quarta-feira (4), sessão solene para celebrar os 65 anos do Lions Clube Natal Centro, cujo lema é “Servir com amor aos nossos irmãos menos favorecidos”.

“Hoje estamos aqui, promovendo esta sessão solene com o objetivo de celebrar os 65 anos do Lions Clube Natal Centro, que, desde o dia 06 de dezembro de 1954, atua pela valorização e defesa dos princípios basilares do leonismo: companheirismo e serviço”, destacou Hermano Morais.

Também presente à sessão, o parlamentar George Soares falou da gratidão à entidade pelos serviços prestados ao Rio Grande do Norte. “Eu quero registrar o sentimento de gratidão e respeito desta Casa Legislativa pelo trabalho realizado pelo Lions Clube aqui no Estado. A todos vocês, nossos agradecimentos e sinceros parabéns”, disse.

O Lions Clube é uma organização internacional de clubes de serviço cujo objetivo é promover o entendimento entre as pessoas numa escala internacional, atender a causas humanitárias e promover trabalhos voltados às comunidades locais, sob o lema “Nós servimos”.

A instituição conta com mais de 1.474.000 membros e 48 mil clubes espalhados por 214 países. Dentre as ações realizadas pelo grupo estão a construção de hospitais, equipamentos escolares, a criação de workshops para jovens com deficiência física, ajuda em enchentes e ações voltadas à juventude.

Os membros do Lions Clube Natal Centro seguem, dentre outros, os preceitos de ser solidário, fazer a diferença na vida das pessoas e atender às necessidades mais urgentes, com foco nas instituições referência da capital potiguar.

Falando em nome dos homenageados, o governador do Distrito LA-5 (Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte), Adonias Dias de Almeida, agradeceu a homenagem e ressaltou a existência de 51 clubes no distrito, que prestam assistência contínua para as comunidades carentes das proximidades.

“É como sempre dizemos: ‘onde há necessidade, há um leão do lado’. A principal característica do leonismo é o trabalho voluntário nas comunidades locais. A nossa missão é criar e fomentar o espírito de compreensão entre todos os povos em relação às necessidades humanitárias, fornecendo serviços voluntários por todos os países em que atuamos”, explicou.

Com relação ao clube homenageado, o governador falou que “Natal Centro é a célula mater, o clube pioneiro a partir do qual nasceu o leonismo no Estado. Daí a sua enorme importância no cenário do RN”.

Segundo o governador do Distrito LA-5, o Lions Clube Natal Centro contribui com a melhoria da qualidade de vida dos deficientes visuais do RN; presta apoio à Liga Norte-rio-grandense Contra o Câncer e ao Instituto de Cegos do RN; auxilia o Instituto Juvino Barreto; possui longos anos de parceria com o Hospital Infantil Varela Santiago; apoia quatro casas de idosos em Natal e Macaíba; dentre outros serviços voluntários.

“Para finalizar, quero registrar aqui dois lemas da nossa comunidade. Primeiro, o do diretor internacional da organização: ‘Nós servimos por meio da diversidade’; depois, o lema deste governador que vos fala: ‘Nós servimos por meio da determinação’, concluiu o líder regional da entidade.


História

A organização Lions Clubs International foi fundada nos Estados Unidos, em 7 de junho de 1917, por Melvin Jones. Já em 1920, começou a se expandir internacionalmente, quando da fundação de um Lions Club no Canadá.

Foi uma das primeiras organizações não governamentais convidadas a auxiliar na elaboração da Carta da Organização das Nações Unidas (ONU) e, desde então, trabalha juntamente com a entidade, levando ajuda aos necessitados de todo o mundo.

Em 2007, foi escolhida a melhor ONG do mundo pela ONU e, em 2017, foi indicada ao “Prêmio Nobel da Paz”.

Nenhum comentário