Prefeitura do Natal trabalha "paz nas escolas" através de grafitagem em parceria com Sesc


Desenhos coloridos e mensagens de valorização da vida agora estampam o muro principal da Escola Municipal Irmã Arcângela. Durante essa quinta-feira (22/08), os alunos do 7º ano do Ensino Fundamental participaram de uma atividade de grafitagem orientados pela artista plástica Viviane Fujiwara. A ação faz parte de uma parceria da escola com o Serviço Social do Comércio (Sesc). A unidade de ensino da rede pública de Natal está localizada no bairro de Igapó, zona Norte de Natal.
“É muito importante para os alunos terem a oportunidade de, através da arte, expressarem sentimentos e valores de vida. Eles também estão se descobrindo verdadeiros artistas”, destaca a professora de Ensino Religioso, Maria da Conceição Gomes Lourenço da Paz, que trabalhou temáticas como a autoestima e procurou o Sesc para estabelecer a parceria para a realização da grafitagem.
Repleta de inspiração para grafitar, a estudante Letícia Beatriz Freire Dantas, de 12 anos caprichou no desenho e na mensagem que deixou no muro da escola.  “Estou adorando participar dessa grafitagem. É muito divertido e também é sempre bom ter uma oportunidade diferente, como pintar os muros da escola com mensagens positivas”.
Quem também grafitou e levou uma mensagem de prevenção contra as drogas foi Roque Daniel Ribeiro Tito, de 12 anos. “Estou achando bem legal, pois minha arte vai ficar aqui e meus amigos e minha família vão saber que eu fiz este grafite. Estou bem feliz”.
A artista plástica Viviane Fujiwara, que integra o Coletivo Aboio, e realizou a oficina de grafite com os estudantes falou da importância de trabalhar o grafite desde cedo. “Eu estudei muito ao longo dos anos e sempre ter a oportunidade de repassar o que aprendi é muito legal. Tenho duas filhas na idade deles e essa fase é de descobrimentos. De escolher caminhos. Inserir a arte é muito legal. Daqui, pode sair um grande artista”.
“Temos a preocupação de expandir sempre a missão da instituição. Tudo que fazemos, permeamos a educação como caminho, e no campo das artes e da cultura, o grafite se enquadra muito bem no contexto educacional. Oferecemos essa oficina com a parte teórica e prática e em parceria com a escola, mostrando a compreensão e contextualização do que é a arte grafite nos contextos da sociedade”, destacou o coordenador de cultura do Sesc no RN, Daniel Rezende.
A secretária municipal de Educação, a professora Cristina Diniz, visitou a unidade de ensino durante a grafitagem e ficou impressionada com o desempenho dos estudantes ao explicarem toda conjuntura de escolha das mensagens e dos grafites que eles imprimiram no muro da escola. “Estou muito feliz em ver a execução desse projeto de grafitagem, principalmente pela temática dos desenhos realizados pelas crianças e adolescentes, com pensamentos de valorização da vida, de uma cultura de paz, contra a violência, de solidariedade e empatia com o outro. Então, ver que isso tudo está sendo trabalhado na escola, através de projetos – que é uma das metas na gestão da SME – nos deixa muito feliz”.  

Nenhum comentário