Novo Portal da Transparência: mais acessibilidade e confiabilidade nos números do Governo


O novo layout e funções do Portal da Transparência do Rio Grande do Norte foi apresentado nesta quinta-feira (15) no auditório da Governadoria. Mais interativo, “limpo” e, principalmente, com informações condizentes com a realidade orçamentária e financeira do Estado, a nova ferramenta já pode ser acessada pelo internauta no endereço transparencia.rn.gov.br

O controlador geral do Estado, Pedro Lopes, responsável por coordenar o processo de atualização do novo Portal, frisou as dificuldades encontradas para entrega do novo produto. “Prometemos lançar o Portal em abril, com acréscimo de relatórios gerenciais e outros dados adicionais. Mas foi preciso corrigir inúmeros equívocos de informação que demandaram tempo e trabalho. Então, entregamos hoje um Portal com dados fidedignos e, nos próximos meses, completaremos com esses relatórios adicionais e ainda mais interatividade”.

O titular da pasta de Gestão de Projetos e Articulação Institucional, Fernando Mineiro, reputou o momento da apresentação do novo Portal como dos mais importantes desta gestão governamental. “Desde minha luta sindical defendo a transparência das ações e contas do poder público. Só conseguimos mudar uma sociedade quando ela passa a acessar e entender essas informações”, ressaltou.

O vice-governador, Antenor Roberto, afirmou que o Portal da Transparência reflete o trabalho da nova gestão quando combina a capacidade técnica e dedicação da equipe responsável com a prestação de serviço qualificada à sociedade. O reitor da UERN, Pedro Fernandes, destacou a necessidade desta transparência para uma sociedade e uma mídia cada vez mais digital: “Que saibamos aproveitar essas informações para divulgar de forma mais responsável, seja na mídia, na empresa ou outro meio”.

A presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do RN, Janeayre Souto, elogiou o trabalho desenvolvido e a forma como a Controladoria e a Ouvidoria do Estado têm tratado o servidor público. “Nunca recebemos esse tratamento em gestão alguma, sempre tirando nossas dúvidas e prestando todas as informações. Apenas enxergando a situação real do Governo podemos construir, juntos, uma pauta comum”.

O novo Portal da Transparência demandou três meses de ajustes para dotar um dos principais instrumentos de controle de receitas e despesas do poder público de mais interatividade e confiabilidade nos dados. Todo o processo de modernização do portal foi coordenado pela Controladoria Geral do Estado, junto à equipe de informática da secretaria de Administração e sem custos ao Governo do Estado.

Nenhum comentário