Cosern desativa "gato" de energia em bar no Centro de São José de Mipibu


Equipes técnicas da Cosern, com apoio da Polícia Civil, identificaram e desativaram um sistema de ligação clandestina de energia (o popular “gato”) que abastecia de forma irregular um bar localizado na Rua Sete de Setembro, no Centro de São José de Mipibu, na noite desta quinta-feira (18).

O proprietário do estabelecimento foi preso em flagrante pelos agentes e levado para Delegacia de Plantão Zona Sul, em Natal. Ele foi a oitava pessoa presa este ano em todo estado por fazer ligação clandestina de energia elétrica.

No primeiro semestre de 2019, a “Operação Varredura” da Cosern realizou 29 mil inspeções em estabelecimentos comerciais e residenciais e identificou e desativou 3.469 ligações clandestinas em todo estado.

A energia recuperada nesse período pela Cosern com a “Operação Varredura” seria suficiente para abastecer, por exemplo, os municípios de Macaíba e de Apodi juntos durante um mês (o equivalente a 116.667 residências).

O “gato” de energia é crime previsto no artigo 155 do Código Penal e a pena para o responsável pela fraude pode chegar a 04 (quatro) anos de reclusão.

Além de crime, o “gato” representa risco de morte a quem faz e a quem está próximo. A ligação clandestina também provoca perturbações no fornecimento de energia da região e pode provocar a queima de eletrodomésticos dos vizinhos.

A população pode denunciar as fraudes, de forma anônima e segura, no telefone 116 ou no site da Cosern.

Assessoria de Imprensa da Cosern

Nenhum comentário