Trabalhadores do DETRAN param as atividades no dia 14 de junho em adesão à Greve Geral



Os trabalhadores do DETRAN/RN vão paralisar as atividades em todo o Estado no dia 14 de junho em adesão à Greve Geral contra a Reforma da Previdência e em protesto diante da falta de respostas do governo a pauta da categoria. A deliberação aconteceu em assembleia realizada na quinta-feira (06), na sede estadual do Departamento.

Segundo o diretor de comunicação do SINAI-RN, Alexandre Guedes, há um entendimento no conjunto dos trabalhadores do DETRAN que a Reforma da Previdência proposta pelo governo Bolsonaro é prejudicial a classe trabalhadora. Isso porque, entre inúmeros pontos, acaba com o regime previdenciário a partir da adoção da capitalização e fará com que os brasileiros se aposentem mais tarde, prolongando a carga de trabalho.

O sindicalista também conta que a categoria está insatisfeita com a demora por parte do governo do Estado em dar respostas a pauta de reivindicações: “Além da questão salarial, há também a questão de falta de condições de trabalho. O DETRAN está sucateado. Falta material para trabalhar, faltam funcionários no quadro, os locais são insalubres e até estão afetando a saúde dos trabalhadores. Devemos lembrar que o DE TRAN é um órgão que tem recursos para atender as demandas”.

Uma conversa entre o SINAI-RN e a direção do Departamento aconteceria em audiência que estava agendada para o dia 05/06. Contudo, o encontro foi remarcado para 12 de junho.

Nenhum comentário