Prorrogadas inscrições para curso de Especialização fruto de parceria entre TCE, UFRN e Governo Cidadão



A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) prorrogou para o dia 9 de setembro o prazo para inscrições do processo seletivo para o inédito curso de Especialização em Métodos Quantitativos Aplicados ao Controle Externo, uma iniciativa concebida pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN), em parceria com o projeto Governo Cidadão, com objetivo de fortalecer a rede de controle do Estado.  
O candidato deverá realizar sua inscrição online via SIGAA (https://goo.gl/aCB443), clicando no link ESPECIALIZAÇÃO EM MÉTODOS QUANTITATIVOS APLICADOS AO CONTROLE EXTERNO.
Estão sendo disponibilizadas 44 vagas: 20 para servidores do TCE-RN; 5 para servidores do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte (MPRN); 5 para servidores do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN); 5 para servidores da Controladoria Geral do Estado do Rio Grande do Norte (Control); 5 para servidores de demais órgãos do Executivo Estadual; e 4 para servidores da UFRN, em obediência as normas internas da instituição.
Por meio da Escola de Contas, o TCE-RN buscou parcerias com outras instituições para viabilizar o curso cujo conteúdo está alinhado com os novos desafios enfrentados pelos órgãos de controle externo para o desenvolvimento de um trabalho cada vez mais ágil e qualificado, atendendo às crescentes demandas da sociedade, por meio de ações de controle da regular aplicação dos recursos públicos, sob as perspectivas de legalidade, economicidade, eficiência, eficácia, efetividade e equidade.
Após várias reuniões, em maio de 2018 o Tribunal fechou a realização do curso, dentro do termo de cooperação firmado com o Banco Mundial, no que diz respeito à auditoria externa realizada pela Corte de Contas no contrato de empréstimo do projeto Governo Cidadão. A previsão é de início das aulas no dia 17 de setembro de 2018 e fim do curso em setembro de 2019. As atividades em classe serão desenvolvidas nas instalações do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), da UFRN.

Nenhum comentário