Polícia divulga foto do principal suspeito da morte de Yasmin


A Polícia Civil divulgou hoje a identidade e a foto do principal suspeito da morte da menina Yasmin Lorena, de 12 anos. Marcondes Gomes da Silva, de 42 anos, era vizinho da família da menina e trabalhava como pedreiro na casa onde o corpo foi encontrado.

Desde a manhã desta terça-feira (24), quando a polícia iniciou a operação de buscas do corpo de Yasmin, o pedreiro desapareceu. Ele morava no local há vários anos e era conhecido pela família da menina. Os outros cinco familiares que viviam com Marcondes no imóvel também deixaram o local ontem, com medo de represálias. Durante a noite, a casa foi depredada e saqueada por vizinhos.

De acordo com relatos, desde que Yasmin desapareceu, no dia 28 de março, ele demonstrava interesse nas investigações e participava de protestos e orações direcionadas à menina.

A Polícia Civil pede que para quem tiver informações sobre o paradeiro de Marcondes denuncie através do Disque-Denúncia 181. As informações podem ser prestadas de forma anônima, com a garantia de sigilo absoluto.

Nenhum comentário