Advogado é a assassinado na zona sul de Natal


A advocacia está em luto com a morte violenta do advogado Márcio Augusto Urbano Marinho, de 59 anos, que não resistiu a um disparo de arma de fogo na região da cabeça, em crime registrado na manhã desta quarta (08), no bairro Capim Macio, na Zona Sul de Natal.
De acordo com as primeiras diligências realizadas pela OAB-RN somado de conversas com a Polícia, com sócio da vítima, vizinhos, amigos e parantes, e ainda aliado as imagens do crime, uma possibilidade cada vez mais sólida vem reforçando os primeiros passos da investigação: a possibilidade do homicídio com característica de execução.
Segundo as imagens, o assassino não tinha o objetivo de realizar um assalto, como inicialmente se especulou. Acredita-se que o intuito era de assassinar o advogado.
Ainda segundo as primeiras diligências, conversas com pessoas próximas descrevem Márcio Augusto como um homem pacato, e que tinha em sua rotina o percurso de casa para o trabalho, do trabalho para a casa.
Em meio aos fortes indícios, a possibilidade de crime associado exercício da advocacia ganha força.
O carro usado na fuga foi localizado no fim da manhã desta quarta-feira(08) e, inclusive, já foi periciado.


Na Ficha da Polícia

Nenhum comentário