Souza promoverá debate sobre crise hídrica em municípios atendidos pelas adutoras Sertão Cabugi e Jerônimo Rosado


O deputado Manoel Cunha Neto, “Souza” (PHS), destacou nesta quarta-feira (18), durante pronunciamento na sessão plenária da Assembleia Legislativa, a audiência pública de sua autoria que irá discutir a crise hídrica nos municípios abastecidos pelas adutoras Sertão Central Cabugi e Jerônimo Rosado, como também em Macau, Pendências, Guamaré, Carnaubais e Alto do Rodrigues. O debate acontece na próxima segunda-feira, às 14h, no plenário da Casa.
 
“Os monitoramentos realizados pelo IGARN e pela ANA apontam que o Reservatório Armando Ribeiro Gonçalves entrará em volume morto em dezembro de 2017, caso não haja mais recargas, o que é provável. Diante disso, todas as captações de água após a Barragem no Rio Açu entrarão em colapso”, argumenta Souza.
 
Segundo ele, o volume morto do rio também irá provocar a falta de água nos municípios de Assu, Alto do Rodrigues, Pendências, Macau, Guamaré e Carnaubais, além de comunidades existentes na região. O parlamentar explica que as alternativas já foram apresentadas pelo Executivo Estadual ao Governo Federal desde o início do ano.
 
As ações propostas pelo Governo do Estado integram o Plano Emergencial de Segurança Hídrica e contemplam a construção de um complexo para captar água do espelho d´água da Barragem Armando Ribeiro Gonçalves e levar até a estação da CAERN próximo a Ponte de Assu, abastecendo assim as adutoras. Prevê também uma adutora para levar a água de poços em Afonso Bezerra para Pendências e, lá, abastecer municípios próximos.
 
Requerimentos
 
Durante a sessão, o deputado Souza reforçou também os pleitos encaminhados ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER-RN) solicitando a operação tapa-buraco na RN 012, que interliga Grossos a Tibau, e o recapeamento do trecho que interliga a comunidade de Gamboa à sede de Grossos, além da recuperação do acesso à praia de Upanema, em Areia Branca
 
Outros assuntos
 
Ainda em pronunciamento, o deputado Souza destacou também a lei de sua autoria, recém sancionada pelo Executivo Estadual, que reconhece o município de Patu, no oeste potiguar, como a Capital Mundial do Voo Livre. Na oportunidade, o parlamentar parabenizou as cidades de Areia Branca pelos 90 anos de história, a serem completados no próximo domingo, e de Rafael Fernandes, pelo aniversário de emancipação política neste sábado.

Nenhum comentário