Projeto de Inovação Pedagógica muda vida de estudantes no Bom Pastor


Quase 300 alunos da Escola Estadual Professora Maria Ilka de Moura, no Bom Pastor, estão tendo suas vidas transformadas com o Projeto de Inovação Pedagógica (PIP). Na última semana os estudantes deram uma amostra das mudanças que o projeto tem provocado na escola: realizaram a II Mostra de Ciências, Artes e Inovação, com o intuito de promover o intercâmbio entre teoria e prática.

Além de peças teatrais e apresentações musicais, os estudantes realizaram mostra de alimentos e costumes regionais, ciências e tecnologia, jogos matemáticos, saúde e bem-estar e construíram uma tenda literária. Entre os temas abordados pelos alunos nos debates, intolerância religiosa, bullying nas escolas e prevenção ao suicídio.

“Nosso objetivo com essa encenação é sensibilizar e conscientizar as pessoas sobre o bullying, que pode ter consequências e levar as pessoas ao suicídio”, afirma a estudante Stela Tatiane, 15. A Mostra também contou com apresentação da banda marcial da instituição, que foi prestigiada por familiares, professores e comunidade.

A coordenadora pedagógica da escola, Jaiane Dantas, disse que ações como a Mostra promovem um aprendizado significativo para os alunos. “As ferramentas disponibilizadas pelo Projeto de Inovação, como o uso da tecnologia, incrementam o desenvolvimento dos estudantes e despertam neles o desejo por aprender mais de maneira inovadora”, destaca.

Essa mudança também é sentida pelos pais dos alunos. Para Idelvânia da Nóbrega, que já foi estudante da instituição, o PIP promoveu uma transformação radical na realidade da escola. “Na minha época jamais imaginava que aqui teria algo assim. A Maria Ilka se tornou referência no bairro e hoje os pais disputam vagas para seus filhos. A minha, por exemplo, não quer perder um dia de aula”, detalha.

De acordo com a Secretária de Educação, Cláudia Santa Rosa, o projeto de inovação transforma o ambiente escolar e ajuda a combater a evasão dos estudantes. “Estamos modificando a sociedade através da educação”, frisa.

As ações recebem investimentos do Governo do RN, por meio da Secretaria de Educação e Governo Cidadão, com recursos do Acordo de Empréstimo com o Banco Mundial. “Sabemos que a educação é um dos pilares para construir uma sociedade pensante e ativa. O investimento do Governo do Estado é essencial para mudar a realidade dos nossos estudantes”, destacou o Secretário de Gestão de Metas e Projetos, Vagner Araújo. 

PIP EM NÚMEROS: 

1ª edição R$ 1,7 milhão - 111 Escolas
2ª edição R$ 4,9 milhões - 130 Escolas
3ª edição R$ 6,3 milhões - 158 Escolas
 
Sobre o PIP

O Governo do RN realizou duas edições do PIP - Projeto de Inovação Pedagógica, beneficiando 240 Escolas Estaduais. Nesta 3ª edição serão 158 escolas. O PIP é um projeto desenvolvido pela Secretaria de Educação com apoio do Governo Cidadão e acompanhamento do Banco Mundial.

Nenhum comentário