"Os autores dessas faixas com práticas criminosas precisam ser presos", avisa presidente do Sindbuggy


O presidente do Sindicato dos Bugueiros Profissionais (Sindbuggy), Luiz Thiago Manoel, registrou um boletim de ocorrência por faixas espalhadas durante o percurso turístico com calúnias, injúrias e difamações contra a diretoria da instituição.

As faixas que afirmam que o Sindbugy é um sindicato "do crime" e ainda taxa todos os bugueiros de "quadrilha" afetando não só a categoria, mas também o turismo potiguar. "O que vão pensar os turistas ao passarem e verem essas faixas? Já estamos registrando um boletim de ocorrência para que as autoridades policiais possam identificar e prender essas pessoas. Estão atingindo a honra e integridade de toda uma categoria. Os autores dessas faixas com práticas criminosas precisam ser presos", destacou.

Thiago acredita que a faixa tenha sido produzida e espalhada por pessoas que discordarem da forma com que o Singbuggy vem atuando em prol do desenvolvimento do turismo potiguar com várias melhorias e, inclusive, promovendo a união entre Poder Público, outras categorias e instituições privadas.


Nenhum comentário