Souza participa de reunião-almoço com membros do PHS de Canguaretama


O deputado Manoel Cunha Neto, “Souza” e o presidente estadual do Partido Humanista da Solidariedade (PHS), Leandro Prudencio, participaram nesta quinta-feira, feriado de 7 de setembro, da reunião-almoço com membros do partido no município de Canguaretama.
 
Durante o encontro, o parlamentar apresentou um balanço dos projetos de seu mandato que já estão em andamento e se colocou a disposição do grupo para encaminhar as reinvindicações dos canguaretamenses ao Governo do Estado.
 
A reunião que aconteceu na residência do casal, João Galvão e Adriana, foi promovida pelo presidente municipal do PHS, Luiz Sérgio da Silva (Lula) e contou com a presença de Ivan Rosendo, Gilson Gomes, Manoel Edno, João Barbosa e Rosineire Silva que integram o grupo politico local. Joseana Cunha esposa do deputado Souza também participou do encontro.
 
Na ocasião, o deputado conheceu a situação das principais ruas do bairro Jiqui, e se comprometeu em destinar uma emenda parlamentar para ser utilizada em obras de pavimentação das ruas da comunidade.
 
Souza também elogiou o trabalho sério dos dirigentes do PHS local, que têm se empenhado na busca constante de melhorias para o município. "Parabenizo o Lula e o Galvão, porque essa dupla realmente trabalha pelo coletivo. Fomos muito bem recebidos aqui e na condição de deputado municipalista, estarei de maneira efetiva trabalhando para trazermos os benefícios solicitados pela população de Canguaretama", finalizou.
 
Ao final da reunião ficou acordado que o grupo do PHS, irá redigir um documento regional coletivo, contendo reivindicações para serem encaminhadas ao governo estadual. Os pleitos deverão contemplar as áreas da saúde, segurança, educação e infraestrutura.
 
O presidente municipal do PHS, Lula, destacou a presteza do deputado Souza, ao buscar soluções imediatas às solicitações apresentadas. "Essa ajuda é muito importante. O deputado compreendeu nossas necessidades, e assumiu compromisso de lutar por nossas reivindicações", enfatizou.

Nenhum comentário