Irmão de Joesley Batista é preso pela Polícia Federal em São Paulo

A Polícia Federal prendeu nesta quarta-feira, 13, o empresário Wesley Batista. O executivo é investigado em inquérito sobre manipulação do mercado financeiro, referente ao suposto lucro obtido com a venda de dólares às vésperas da divulgação da delação premiada dos executivos da J&F.
A ordem de prisão contra o irmão de Joesley Batista é da 6 Vara Federal Criminal de São Paulo.
Em junho deste ano, a Operação Tendão de Aquiles, ação da PF coordenada com a Comissão de Valores Mobiliários, mirou o uso indevido de informações privilegiadas por parte das empresas JBS S/A/ e FB Participações S/A em transações de mercado financeiro ocorridas entre abril e maio de 2017.
O inquérito havia sido aberto em 19 de maio a partir do Comunicado ao Mercado 02/2017 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) que tornou pública a abertura de cinco processos administrativos para apuração de transações que teriam assegurado ao grupo ganhos milionários da noite para o dia no mercado financeiro.

Nenhum comentário